Paciência, porque tudo acontece…

Quem nunca me viu errar é que certamente não esteve na minha vida. Eu erro. E erro muito. Eu erro na esperança que vou acertar logo em seguida, e não é que eu estou certa. Eu erro para aprender e aprendo todos os dias para errar outra vez. E já me dei conta que quanto mais eu tento acertar e ser perfeita, mais eu quebro cara. E às vezes por minha culpa. Porque sou ser humano.



Quantas vezes tentamos ser perfeita e fazer tudo certo. E quantas vezes tentamos não decepcionar ninguém e principalmente a nós mesmos. E quantas vezes tropeçamos no nosso próprio passo por estar indo rápido demais. E hesitemos voltar para trás por medo, por ser inseguro com o passado e ter muita ânsia para o futuro. Sem contar às vezes que perdemos a paciência por não estar conseguindo realizar nossos planos. Alterando-se, chorando, desistindo de tudo e começando novamente.

Foi assim dessa forma que eu aprendi a viver com menos pressa e mais paciência. As coisas vão acontecer, mas na sua hora. De acordo com seu próprio tempo.

Aprendi a não me afobar e sim esperar. Aprendi que não sou perfeita – e estou longe de ser. Eu erro como todo ser humano, mas também acerto e é para isso que dou valor. Para os acertos. Aprendi a ter paciência e que ela é primordial para a vida. Paciência para esperar acontecer, paciência para curar uma tristeza, paciência para trazer outras pessoas ou outro amor. Apenas paciência, porque tudo acontece.


Na sua devida hora, no seu devido lugar e no seu tempo. Tudo vai acontecer. Iremos passar por muitas situações. Umas boas outras nem tanto. E assim vamos aprender a agradecer por ambas. Passar por espinhos é preciso, assim valorizamos com mais intensidade o que é o conforto de estar paz. Não precisamos sentir culpa por errar e nem por se decepcionar com alguém. Não vai ser a primeira e nem a última. Cabe o tempo deixar que as coisas se ajeitem por dentro.

Toda cicatriz é curada. Não importa o quanto profunda seja ela. Vai cicatrizar e deixa de doer logo depois, e vai permanecer ali para te fazer lembrar o quanto você cresceu e aprendeu com a situação. Você vai desistir algumas vezes na vida. Nem sempre a escolha certa é feita, as vezes também precisamos dar um passo para trás. E sem medo de recuar, de começar novamente.

É preciso deixar na alma somente os bons frutos que colhemos. As boas pessoas que conquistamos. As coisas boas que fazemos. Deixar só aquilo que causou sorrisos. Aquilo que fez o coração vibrar. O que acrescentou o que somou o que foi verdadeiro. Nada de deixar guardado aquilo que causou mágoa, que deixou triste. Que te diminuiu que te faltou com respeito. Que não foi recíproco.


Temos uma vida cheia de surpresas, cheia de pessoas, cheia de lugares, cheia de acontecimentos. Não precisamos ficar preso onde não nos cabe de verdade. Onde sabemos que não é nosso lugar. Aprenda errar e assumir. Levantar-se e tentar novamente em outro lugar. E lembre-se de dar prioridade aos acertos que cometestes. Somos dividido dessa maneira e não tem porque viver apegado naquilo que não deu certo. Não deu certo agora, mas amanhã pode dar.

Você pode até voltar para trás quando nada estiver dando certo. O que você não pode é desistir de tentar acertar.

Baixe o aplicativo do site O Segredo e acompanhe tudo de pertinho. Android ou IOS.

Texto escrito com exclusividade para o site O Segredo. É proibida a divulgação deste material em páginas comerciais, seja em forma de texto, vídeo ou imagem, mesmo com os devidos créditos.




Deixe seu comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.