Comportamento

Pai criou aplicativo que bloqueia o celular do filho, se ele não responder às suas mensagens

capapai criou aplicativo que bloqueia o celular do filho se ele nao responder as suas mensagens

Esse pai teve uma ideia muito boa para impedir que o filho o ignorasse enquanto jogava no celular!



Os aparelhos celulares entram cada vez mais cedo na rotina das crianças da atual geração. Os equipamentos, que surgiram como facilitador da comunicação entre as pessoas, hoje são muito mais que dispositivos para chamadas.

Pelos celulares, somos capazes de conversar com pessoas do mundo inteiro, por chamadas ou aplicativos, fazer compras, pedir comida, acessar nossa conta bancária, ler, assistir a vídeos e filmes, ouvir música, manter-nos informados e por que não distraídos com jogos, entre muitas outras coisas.

Para as crianças em especial, esses aparelhos são o mundo em suas mãos. Por oferecer uma tecnologia muito interessante, com imagens multicoloridas, cada vez mais projetadas para chamar a sua atenção, é muito fácil viciarem no uso de celulares, muitas vezes passando mais tempo no ambiente virtual do que no mundo real.


Os pais, que em muitos casos são quem introduzem os aparelhos em sua rotina, podem sofrer para limitar o acesso dos filhos ao ambiente virtual ou fazer com que dividam o tempo de forma saudável entre a diversão, os deveres da escola e dentro de casa.

Outra grande preocupação dos pais em relação a esse tema é que nem sempre os filhos atendem às ligações ou respondem às mensagens. Quando estão longe e querem saber como as crianças estão, podem passar por muitos perrengues para conseguir uma resposta.

Se você tem filhos inseridos no universo da tecnologia, provavelmente já passou por essa situação alguma vez. Nick Herbert é um pai do Reino Unido que, em 2017, tinha muita dificuldade para conversar com o filho Ben, à época com 13 anos, pelo celular .

2pai criou aplicativo que bloqueia o celular do filho se ele nao responder as suas mensagens

Direitos autorais: reprodução/Facebook.


O menino ganhou o smartphone, que usava prioritariamente para jogar, e sempre perdia as ligações e mensagens do pai. Nick acabou unindo a preocupação por ser ignorado para desenvolver uma solução permanente para o problema.

Conforme contado pelo CTV News, ao perceber que o filho o ignorava porque o seu celular era lotado de notificações de jogos e redes sociais, e porque ele até desativava as notificações enquanto jogava, Nick desenvolveu um aplicativo de celular, chamado “ReplyASAP”, que permite que os pais bloqueiem os celulares dos filhos, por meio de mensagem, até que as crianças respondam às suas tentativas de contato.

O aplicativo, que não parece estar mais disponível, permitia que os pais enviassem uma mensagem, também pelo aplicativo, que seria exibida por cima de qualquer coisa que o filho estivesse fazendo em seu celular, além de disparar um alarme no aparelho, mesmo que estivesse no modo silencioso.

O destinatário podia optar por responder, cancelar a mensagem ou ocultá-la, reativando o celular e enviando uma mensagem de volta, que permitia ao remetente saber a sua localização.


Assim que a mensagem era visualizada, o aplicativo também notificava o remetente. Enquanto desenvolvia o aparelho, Nick contou com o apoio do filho, porque queria manter o controle de Ben ao mesmo tempo em que não infringia sua liberdade.

Embora tivesse sido criado com o foco principal no controle dos filhos, o “ReplyASAP” podia ser ajudado por outros grupos de pessoas, que também tinham a necessidade de monitorar outras pessoas, como filhos que cuidavam de pais idosos e até mesmo colegas de quem precisávamos de uma resposta mais rápida. Sua ideia parece ter dado certo por um bom tempo e com certeza melhorou a comunicação com Ben. O dispositivo chamou a atenção de outros pais, que também a adotaram.

Uber corre a pé com malas para ajudar passageira não perder o avião

Artigo Anterior

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.