Comportamento

Pai entregou o filho à polícia após ele destruir ponto de ônibus: “Ele precisa aprender”

Para ensinar uma lição ao filho, que estava se comportando muito mal, esse pai tomou uma decisão bastante séria. Entenda!



Um dos maiores desafios dos pais e mães na hora de criar os seus filhos é fazer com que eles entendam a diferença entre o certo e o errado, e que definam limites muito claros sobre as coisas que devem ou não fazer.

O período da pré-adolescência dos filhos é especialmente conturbado, porque eles estão passando por muitas transformações e descobrindo várias coisas sobre si mesmos, o que pode torná-los bastante rebeldes e contrários às regras.

Nesse momento, os pais costumam se comportar de maneira mais rígida, em muitas situações, para que os filhos não “desandem” e absorvam os conhecimentos necessários para se tornarem bons adultos.


Um pai da Inglaterra tomou uma medida bastante radical para cortar de vez os maus comportamentos do filho de 13 anos, e acabou sendo elogiado por muitas pessoas. Segundo contado pelo LADbible, Arthur Ord entregou seu filho Lucas à polícia para aprender uma grande lição.

O garoto destruiu um ponto de ônibus da sua cidade. Quando descobriu que o adolescente estava envolvido nos atos de vandalismo, ele decidiu que os policiais poderiam lhe ensinar melhor do que ele mesmo, então fez uma publicação num grupo do Facebook da cidade, sobre o ocorrido.

Direitos autorais: reprodução Facebook/Arthur Ord.

Na publicação, Arthur explicou que seu filho era um jovem que destruiu o ponto e que se sentia triste e envergonhado, pois não lhe ensinou a se comportar dessa maneira, acrescentando que o menino passaria um tempo sem ser visto, pois estaria com a polícia, por causa dos seus atos.


O homem ainda disse que sua medida seria para educar o filho antes que seja tarde demais. A postagem logo gerou muitos comentários de outros pais de adolescentes da região, afirmando que sua atitude estava correta e que era um exemplo para aqueles que preferem negar os erros dos filhos.

Direitos autorais: reprodução Facebook/Arthur Ord.

Um porta-voz da polícia da cidade confirmou que o menino confessou ter causado os danos ao ponto de ônibus e que ele seria encaminhado ao Serviço de Ofensores Juvenis.

Com certeza, essa decisão pode ter pesado um pouco para Arthur, porque os pais sempre querem que seus filhos estejam bem, mas ele conseguiu fazer com que o filho aprendesse uma lição de que jamais se esquecerá.


Menino autista de 12 anos sofre bullying na escola, é agredido fisicamente e mãe compartilha sofrimento

Artigo Anterior

Mulher decide adotar animal e, ao chegar ao abrigo, reencontra seu cão perdido há 2 anos. Emocionante!

Próximo artigo

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.