Notícias

Pantanal perde audiência e espera tragédia com Velho do Rio para virar o jogo

Foto: Globo.
Pantanal perde audiencia e espera tragedia

Pantanal perdeu público nas duas últimas semanas. Além de uma rejeição à trama entre Juma (Alanis Guillen) e José Lucas (Irandhir Santos), parte dos telespectadores reclama que as histórias demoram a sair do lugar.

Como consequência, a novela das nove da Globo interrompeu uma sequência de alta na audiência e regrediu a índices que não tinha desde o início de maio. Uma tragédia com o Velho do Rio (Osmar Prado) pode virar esse jogo e recuperar o ibope perdido.

Nesta última semana, ao considerar o capítulo exibido até quinta-feira (23), o folhetim adaptado por Bruno Luperi ficou abaixo dos 30,0 pontos de média pela primeira vez em seis semanas na Grande São Paulo, principal mercado publicitário do país.

A queda de Pantanal começou no início de junho, quando a emissora voltou a transmitir futebol às quartas. Com os jogos na faixa das 21h30, a novela vai ao ar mais cedo e chega a perder mais de 17% da audiência.

Em 25 de maio, data da melhor quarta-feira da trama, foram 32,8 pontos de ibope em uma noite sem evento esportivo; enquanto no último dia 22, com Copa do Brasil ao vivo, a média ficou em 27,2 pontos.

São 418 mil residências a menos sintonizadas na Globo durante a novela das nove, apenas na Grande São Paulo.

O futebol, no entanto, não pode ser considerado o único culpado. O remake teve índices abaixo da média em todos os dias da última semana.

Nem mesmo a segunda, que costuma ser o momento de maior ibope, ficou imune. Foram 30,5 pontos: pior desempenho nesse dia desde 2 de maio.

Para 33% dos leitores, o principal problema de Pantanal nas últimas duas semanas foi o projeto de casal Juma e José Lucas, enquanto outros 19% acreditam que as repetições das tramas se tornaram algo negativo.