Pessoas inspiradoras

Para pagar cirurgia da mãe, filha vende moto e é surpreendida ao ganhar outra igual: “Aconteceu um milagre”

A mãe precisa retirar o útero porque foi diagnosticada com endometriose, e Alana decidiu vender a moto para ajudar a pagar os custos do sério e complicado tratamento.



Algumas pessoas são tão importantes para nós, que seríamos capazes de lhes oferecer o mundo, ou seja, qualquer coisa que esteja dentro (e até mesmo fora) do nosso alcance. Pode ser uma mãe, um pai, um tio ou tia, aqueles avós queridos e até um amigo, não importa o grau de parentesco, sempre temos alguém por quem seríamos capazes de oferecer a roupa do corpo.

A psicóloga Alana Pandolfo nutre esse carinho pela mãe Marli Pandolfo e, quando se viu em uma situação de escolha, não pensou duas vezes e optou pela saúde da genitora. A filha descobriu que a mãe precisava passar por um procedimento cirúrgico para retirar o útero; foi diagnosticada com endometriose.

Sem recursos financeiros, Alana decidiu vender sua moto para ajudar a pagar o tratamento, o que sempre acreditou ser o correto a fazer. Segundo reportagem do jornal O Povo, a jovem de 24 anos é devota de Nossa Senhora, e acredita que a fé tenha agido a seu favor, quando ganhou um sorteio com uma moto 0km, igual à sua.


A filha conta que, antes de vender a moto, Marli tentou utilizar o Sistema Único de Saúde (SUS), mas não chegou nem a fazer os pré-exames ainda por conta do tamanho da fila de espera. De acordo com Alana, são mais de 4 mil mulheres esperando na fila do SUS para passar pelo mesmo procedimento que a mãe, e a família já não podia mais esperar, então optou por pagar pelo tratamento.

Direitos autorais: reprodução Facebook/Alana Pandolfo.

Foram apenas 15 dias para vender oficialmente a Biz 110, já que o modelo é muito procurado na região (Sinop/Mato Grosso). Assim que pegou o dinheiro para pagar a cirurgia, que ficou em R$ 15 mil, a jovem recebeu uma notícia inesperada, que a deixaria completamente emocionada e em estado de choque.

Alana ganhou uma moto exatamente do modelo da sua, a recém-vendida Biz 110, num sorteio realizado pela Catedral Sagrado Coração de Jesus. A psicóloga conta que investiu R$ 50, mas que esse valor é dado todo ano para a instituição, como tradição, para ajudar, por isso, ela nunca esperou que fosse a vencedora do concurso.


Foram mais de 7 mil participantes do sorteio da Catedral Sagrado Coração de Jesus, evento que dura três dias, cujos prêmios máximos são duas motos e um carro. A psicóloga explica que a sensação é como se tivesse ganhado um presente do “próprio Deus”, e sentiu que ali estava acontecendo um milagre, mostrando como é devota e católica.

Direitos autorais: reprodução Facebook/Alana Pandolfo.

Alana revela que jamais deixaria de ajudar a mãe e que os valores que recebeu em sua criação fizeram com que fosse obediente aos pais e devota a Deus. Marli ensinou sempre a ajudar o próximo e a honrar pai e mãe.

A genitora também sempre ajudou a vender os bilhetes do sorteio, para ajudar a instituição católica, por isso a filha acredita que, quando mais precisaram, Deus lhes retribuiu, mostrando como é fiel.


Marli ainda não passou pelo procedimento cirúrgico, pois precisa se submeter a vários exames antes de retirar o útero. Alana espera que Deus continue operando milagres, também gostaria que esse acontecimento servisse para as pessoas verem como a fé é importante, age e faz milagres, e que o que importa não são os bens materiais e, sim, o amor.

Mulher paga R$ 25 mil para ter filho depois dos 40. “Ele tem síndrome de Down, mas eu não mudaria nada”

Artigo Anterior

Depois de ninguém aparecer na festa dos filhos, mãe angustiada faz um apelo na internet e convida desconhecidos

Próximo artigo

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.