Pare de se sentir triste por ser solteiro(a)!

Não há nada errado em dormir no meio da cama e fazer uma fortaleza em torno de si. Não há nada de errado em cozinhar refeições para dois, mas guardar a segunda metade para si mesmo. Não há nada de errado em sair sozinho. Não há nada de errado em passar a tarde enrolada com um bom livro, jornal, ou Netflix e não ter que ser responsável por mais ninguém, além de si mesmo.

Não há absolutamente nada de errado em aproveitar o tempo sozinho.

Fomos condicionados a ver a “singularidade” como negativa. Se você é solteiro, você não é amado, certo? Há algo errado com você, se você não está em um relacionamento – você não é bonita o suficiente, bonito o suficiente, divertido o suficiente, louco o suficiente, feliz o suficiente? …Certo? (Errado.)

Nós vemos ser solteiro como decepcionante. Vemos ser solteiro como uma fase. Mas ser solteiro não é um trampolim para algo maior. Não é apenas uma passagem, uma sequência, uma transição para a vida que devemos viver.

Ser solteiro é um estágio da vida. Uma boa, complicada, motivadora fase da vida. E deve ser celebrada, ao invés de desprezada.

Talvez você esteja em um momento que apenas queira estar sozinho. Talvez você esteja buscando uma carreira pela qual trabalhou duro e não quer se distrair. Talvez você ainda esteja se curando de um término, e apenas quer trabalhar em si mesmo antes de saltar para outro relacionamento. Talvez você tenha mudado de emprego ou está passando por uma grande mudança, e quer descobrir quem você é sem outra pessoa.

Talvez você esteja apenas vivendo feliz de seu jeito.

E está tudo bem.

Tudo é normal. Não há problema em querer ficar sozinho por um tempo. Não há problema em querer gastar seu tempo de forma egoísta, ou colocar suas necessidades e desejos antes de qualquer outra pessoa. Não há problema em ser preguiçoso, ativo, sobrecarregar-se, relaxar na cama durante todo o fim de semana, ficar com os amigos ou passar as noites fazendo o que quiser – esta é a sua vida e ninguém pode dizer-lhe como vivê-la.

Temos uma percepção tão negativa de estar sozinho, como se ser solteiro equivalesse à solidão. Mas não. Estar sozinho é ser independente. Significa saber o que você merece e não se acomodar. Significa saber o que você quer e não desperdiçar o tempo perseguindo algo que não te acrescenta. Significa encontrar seu caminho em um mundo que é caótico, louco e em constante mudança.

Estar solteiro significa estar confortável em sua própria pele.

Não há nada de errado em ficar sozinho. Com acordar e fazer café para um, ir a longas corridas com apenas a música e o sol de companhia.

Pare de se preocupar sobre quando, onde e como você vai encontrar a sua pessoa. Pare de sentir que está ficando sem tempo. Pare de comparar sua viagem com a de todos os outros e seja feliz onde você está, agora.

Você está indo muito bem.

E a independência cai bem em você.

____

Traduzido pela equipe de O Segredo – Fonte: Thought Catalog



Deixe seu comentário