Notícias

Passageiro é expulso de voo ao usar calcinha fio-dental como máscara anti-Covid

Passageiro e expulso de voo ao usar calcinha fio dental como mascara anti Covid capa
Comente!

Um morador da Flórida (EUA) foi expulso de um voo da United Airlines por usar uma calcinha fio-dental como máscara anti-Covid para protestar contra a ordem da obrigatoriedade da proteção anticoronavírus da companhia aérea americana, seguindo protocolo federal.

O passageiro, Adam Jenne, de 38 anos, disse à NBC2 que acreditava estar em conformidade com o mandato da máscara da companhia aérea, já que, na sua opinião, o fio-dental cobriu apropriadamente o seu nariz e a sua boca no voo de 15 de dezembro entre Fort. Lauderdale (Flórida) e Washington, D.C.

O pessoal da companhia aérea, entretanto, discordou, e retirou o passageiro do voo.

“É bobagem, tudo bobagem, a Covid não sabe que estamos navegando em altitude. É estúpido, tudo é teatro”, protestou o negacionista, que usava uma camisa contra o presidente Joe Biden.

Assista:

Jenne, que se comparou ao ícone e pioneira dos direitos civis Rosa Parks, disse que já havia usado uma tanga como máscara em vários voos anteriores, com respostas variadas de membros da tripulação.

“Tudo o mais que gerou mudanças neste país começou com as pessoas comuns. Rosa Parks não era famosa. Ela mudou o curso da História”, disse Jenne à emissora WBBH.

Adam disse que não vai abandonar o protesto e que espera que outra empresa o trate com melhor senso de humor. Ele está proibido de voar pela United até que o seu caso seja analisado.

Os EUA já registraram mais de 800 mil mortes por Covid-19: a maior marca no mundo.

Outro caso

Passageiro e expulso de voo ao usar calcinha fio dental como mascara anti Covid1

Direitos autorais: Reprodução/Twitter

Em agosto de 2020, o milionário John McAffe, criador de famoso antivírus que leva o seu sobrenome, disse ter sido preso em aeroporto na Noruega por, segundo ele, estar usando uma calcinha como máscara anticoronavírus.

Em postagem no Twitter, McAfee, disse ter se recusado a tirar a calcinha do rosto “pelo bem da própria saúde”.

“Estou insistindo que é o modelo mais seguro disponível e me recuso a usar qualquer outra coisa”, afirmou.

Em junho deste ano, McAfee foi encontrado morto em prisão.

Comente!

Rita Cadillac sobre pornôs: ‘Não me arrependo, mas não repetiria’

Artigo Anterior

Ex-repórter da Globo revela mágoa: “Em cinco minutos estava demitido”

Próximo artigo

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.