3min. de leitura

Perdoar está difícil? este exercício é poderoso e vai ajudar

Durante a nossa vida, passamos por inúmeras situações de constrangimento, desafeto, desamparo, desonra e por aí vai.

Seríamos apáticos se não esboçássemos quaisquer reações naturais, e de acordo com a lei de Newton “toda ação tem uma reação”. O que se torna prejudicial para a nossa saúde e para os nossos relacionamentos é não estarmos conscientes e nos deixarmos levar pelas nossas emoções. Também, quando não nos conhecermos o suficiente ao ponto de não sabermos como lidar com as situações, com equilíbrio emocional e, ao invés disso, somos extremamente explosivos, ou nos isolarmos e até fugimos dos problemas, procrastinamos a solução.



Outro fator importante é que um problema pequeno vai se tornando grande e, com o passar do tempo, difícil carregá-lo e conviver com ele. Isso mina a nossa alegria de viver.

Para se tornar consciente, escreva em um papel tudo aquilo que lhe incomoda, como você se sente, fale como se estivesse revivendo a situação, diante das pessoas que o magoaram. Após terminar, rasgue o papel em pedacinhos e o queime. Durante o exercício, deixe a emoção aflorar e ir embora.

Depois você vai criar um diário para as suas emoções, marcando o dia e a hora que elas afloraram e o gatilho que as despertaram, ou seja, a causa.

Logo abaixo, deixe um feedback amoroso para si mesmo, uma espécie de conselho positivo para a próxima vez que enfrentar uma situação semelhante.

Lembre-se de que o cérebro tem a capacidade de mudar e aprender, independente da idade. Esse movimento é denominado neuroplasticidade.


Acontece que deixamos muitas decisões a cargo do nosso piloto automático e quando nos damos conta, já nos comportamos inadequadamente de novo.

Com esse exercício, a tendência é melhorar aos poucos.

Entretanto, quando “errar” seja tolerante consigo mesmo, continue tentando até obter novos padrões de comportamento.


Não permita mais que o comportamento dos outros o afetem demasiadamente!


Direitos autorais da imagem de capa licenciada para o site O Segredo: 123RF Imagens.

Você sabia que O Segredo está no Instagram, Facebook e no Twitter? Siga-nos por lá.





Deixe seu comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.