Pessoas inspiradoras

Policial doou comida e roupas a família que passou a viver na rua por conta da pandemia!

As atitudes de solidariedade desse policial fizeram a diferença para a família, que passava por um momento muito delicado.



Constantemente vemos notícias sobre policiais fazendo coisas boas para pessoas em necessidades e sempre nos comovemos, porque percebemos que, apesar de serem figuras de autoridade, eles têm um lado humano bastante desenvolvido e enxergam o seu próximo com empatia.

Hoje trouxemos o caso de um policial que teve um papel muito importante na vida de uma família que enfrentava necessidades no Chile. Segundo contado pelo portal BioBioChile, a família era imigrante e passou dias viajando até chegar ao país.

A prioridade dos pais, que não conheciam ninguém no país, era conseguir um emprego para que pudesse pagar algum lugar para viver com os filhos e sustentá-los. No entanto, eles não estavam conseguindo ser bem-sucedidos em suas tentativas.


A família, que conta com três crianças com idades entre 4 e 9 anos, estava desabrigada e usava o pouco dinheiro que tinha para comprar itens para revender, como curativos e balas. Sua situação certamente chamou a atenção de muitos que os viam pelas ruas, mas um homem em especial resolveu se dedicar verdadeiramente a ajudá-los: o capitão Felipe Muñoz.

Direitos autorais: reprodução/Bío Bío Chile.

O oficial Carabineros (instituição de polícia ostensiva, que atua na defesa civil do Chile), sensibilizou-se com os desafios enfrentados pelos pais para oferecer uma vida melhor às crianças e, durante três dias, ficou ao seu lado, oferecendo o seu apoio.

Felipe Muñoz levou comida, itens de higiene pessoal, material escolar e outros objetos para que eles pudessem vender e conseguir mais dinheiro. Seu apoio foi notado por um comerciante da região, que resolveu gravar um vídeo para mostrar essa boa ação.


Direitos autorais: reprodução/Bío Bío Chile.

O policial também estava tentando conseguir um emprego para o pai das crianças e uma casa onde eles pudessem se abrigar, para não ter mais que passar o dia inteiro na rua, um ambiente não adequado para crianças. O pai, que não teve o nome divulgado, afirmou que não esperavam essa ajuda, mas que ela fez a diferença na sua vida e que era grato por tudo o que estava acontecendo.

Não se sabe o que aconteceu com a família depois, mas com certeza a ajuda do policial e das pessoas que divulgaram a sua história abriu as portas para que sua situação se tornasse conhecida e mais apoio recebesse. Que esse policial receba em dobro toda a bondade que demonstrou ao casal e seus filhos!


“Sei o que é passar fome”: mulher que viveu nas ruas vira dona de lanchonete e alimenta desabrigados

Artigo Anterior

Lavrador devolve carteira de PM com mais de R$ 3 mil e é elogiado: “Exemplo de ser humano”

Próximo artigo

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.