4min. de leitura

Por que as pessoas não conseguem ficar calmas quando um problema lhes acontece?

A serenidade é um estado de espírito que pode ser alcançado com aprendizado. Dentro de nós é o único lugar onde ninguém pode interferir, a não ser que permitamos.


A mente é dividida em duas partes: objetiva e subjetiva. A mente objetiva é racional e tenta encontrar soluções já conhecidas e, caso desconheça a solução e não saiba como buscar a resposta diante da urgência, ela entra em pane. Isso acontece porque a mente subjetiva é um vasto território e, muitas vezes, estamos sob pressão.

Temos de entender que precisamos de conhecimento, ou ao menos saber onde o conhecimento está para acessá-lo no momento em que dele precisarmos.

Operacionalize sua capacidade!

Nós também temos de nos desenvolver e evoluir a cada dia, porém muitos não saem da zona de conforto, não usam suas capacidades, seus talentos, isso por pura indisciplina e procrastinação. Portanto, quando a urgência surge, fica em desespero, não encontra saída, não sabe “se virar”, é “reclamão”, vive se lamentando e esperando que o outro os ajude a resolver seus problemas e, quando a ajuda não vem, estagnam na vida.


Por outro lado, a serenidade, a paz e a tranquilidade não estão na mente objetiva. Cientistas descobriram que até o aprendizado é na base da emoção, isso porque a memória está ligada ao sistema límbico, sendo impossível separar emoção de cognição.

Dessa forma, o que você sente ser capaz de fazer, você realmente é capaz. Eureca!

Bom, esse conhecimento pode revolucionar o sistema de aprendizagem por entender que uma pessoa não aprende “na marra”, ela aprende por vários fatores, e um deles é o prazer.


Se não soubermos dos benefícios de evoluir, não associaremos o aprendizado ao prazer. A busca pelo conhecimento e a sua prática parecem algo cansativo, porque dependem de tempo e energia mas, por outro lado, proporcionam qualidade de vida. Então podemos dizer que adiamos um prazer momentâneo para galgar um prazer muito maior. Pensando dessa forma, condicionamos o nosso cérebro a aprender com prazer rumo a um objetivo a ser conquistado.

A serenidade é um estado de espírito que pode ser alcançado com aprendizado, é também algo que pode ser programado, uma ordem, um comando para a mente ter tranquilidade até encontrar as respostas.

Dentro de nós é o único lugar onde ninguém pode interferir, a não ser que permitamos.

A mente é território de cada um, é um universo de possibilidades que apenas quem a conhece e aprendeu a usá-la não é pego de surpresa.

 

Direitos autorais da imagem de capa: Juan Alexis Mora/Unsplash.





Deixe seu comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.