Por que as pessoas têm medo de se apaixonar?



A maioria das pessoas já sofreu alguma desilusão amorosa. Algumas conseguem superar e seguir em frente, outras ficam com traumas que impedem uma próxima relação. Esse medo não é o de se apaixonar novamente, mas sim o de sofrer de novo.

Uma amiga me comentou esses dias que não queria mais se apaixonar porque sempre pensava, conscientemente e inconscientemente, que seus parceiros se apaixonariam por outras mulheres e, no final, realmente acabava acontecendo isso. Ela tinha tanto medo que projetava esse pensamento de uma maneira tão forte que ele se concretizava. Se ela soubesse projetar seus desejos em seu benefício, certamente estaria agradecendo ao universo a graça concedida e não sofrendo pela sua própria profecia.

Esse é o primeiro erro do amor. Iniciar uma relação sem ter sanado e perdoado completamente o que passou com o amor antigo.

Não é fácil esquecer, mas para seguir em frente torna-se necessário uma dose de aceitação dos fatos. Saber aprender com as dores pode ser uma forma de valorizar as coisas boas que estão por vir. Nem todas as pessoas são iguais, portanto, mudar o padrão de pensamento pode ser a chave para encontrar um amor mais maduro. Além disso, transformando os nossos padrões mentais também atrairemos pessoas diferentes e quem sabe assim, uma que se encaixe melhor com você.

No entanto, também pode existir resquícios do amor antigo. Nesse caso, depois de muita meditação, se você sente que vale a pena reatar e que realmente errou em terminar a relação, busque uma reaproximação. Observe, com cautela, se a pessoa ainda está solteira e se corresponde esse sentimento. Essa tarefa não é nada fácil. Inúmeros motivos podem fazer com que o seu antigo amor tenha se bloqueado para você, mesmo ainda existindo sentimento. Tente averiguar se ele realmente está distante ou se já partiu para outra.

Não adianta tentar convencer alguém que já não quer mais nada com você. Puxe papo uma vez ou outra, mas se não existir uma troca, desista, hora de seguir em frente.

Sem embargo, se ainda existe uma chama, não seja orgulhoso(a), diga o que sente de verdade, quem sabe era isso que faltava para uma reconciliação. Porém, saiba que para um recomeço também é preciso estar com o coração curado, mesmo sendo a cura desse mesmo amor.

Então, esteja um tempo só para colocar todas as emoções no seu devido lugar. Se for para dar certo, o universo conspirará a seu favor, relaxe, a vida nunca falha.

Agora, se todas as tentativas de reaproximação derem errado, por favor, valorize-se e mude a direção do barco. Quem sabe uma paixão melhor está a sua espera?



Permita apaixonar-se sem medo, pois só sofre quem foi muito feliz um dia. E essa felicidade sempre vale a pena.

É preciso curar-se, cicatrizar feridas, fechar o velho ciclo para finalmente renascer no amor. Para isso, o mais importante é estar aberto para receber o melhor presente que a vida pode nos proporcionar, o amor, primeiro de si próprio e depois o do outro.


Direitos autorais da imagem de capa licenciada para o site O Segredo: f8studio / 123RF Imagens






Deixe seu comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.