ColunistasRelacionamentos

Por que é tão normal o desentendimento?

desentendimento

Por que é tão difícil o relacionamento com outras pessoas? Por que brigamos tanto, nos desentendemos tanto?



Por que as pessoas não conseguem ver aquilo que está tão óbvio para você? Entenda tudo isso e veja como poderá amenizar esta fonte de estresse.

A ciência explica que não temos condições de absorver a realidade como um todo. É informação demais e nosso cérebro simplesmente não dá conta. Então inconscientemente criamos filtros e mais filtros. A informação que nos chega, que acreditamos ser a realidade, é na verdade uma adaptação feita sob medida para nós, de acordo com nosso foco e nossas crenças.

Com isso, fique sabendo, não existem duas pessoas enxergando o mundo exatamente da mesma forma!


Você pode estar convicto que algo é de um jeito, claramente vendo que é assim, mas a pessoa do seu lado enxerga de forma diferente. Isso pode ser muito frustrante e confuso, se você não tiver noção de como você mesmo está filtrando a realidade.

A insistência que todos devem ver o mundo do seu jeito é a fonte do sofrimento. É baseada em um engano, na confusão que a realidade é a mesma para todos. Quando conseguimos expandir nossa aceitação e paciência, e aceitar a diversidade de opiniões como a realidade, evitamos nos desgastar com ansiedade e frustração pelo não entendimento do outro, e também evitamos cair na desgraça da raiva e agressão como consequência disso.

Esta realidade neurológica do ser humano exige de nós uma postura de flexibilidade e desapego. Quanto sofrimento, quanta maldade, podemos ou poderíamos ter evitado com esta visão?

Deixe o outro ser do jeito que quer e entender a vida como quer! Você faz o seu – não se comprometa, não abra mão de seus valores. Mas o outro? Paciência!


Deixe as leis dos homens e as leis da física traçarem os limites do que os outros façam. Cabe a você decidir qual sua tribo, que nada mais é que aquele grupo de pessoas com um conjunto de filtros e crenças similar ao seu. Rodeado das pessoas com a mesma vibração, sua vida segue mais tranquila.

Mas e o risco de errarmos? Sabendo que estamos sempre operando com filtros, cabe ao buscador da verdade, quem leva a vida a sério, usar do pensamento crítico e da razão para sempre avaliar suas posturas e visão do mundo. Questione os padrões que aceitou como “normais”.

Medite seriamente nas suas prioridades e crenças para avaliar se não estão erradas, por isso, levando-lhe a ter uma vida com menos significado e felicidade. Aprenda a pensar livre e profundamente e alimente sua inteligência com a sabedoria e conhecimento do mestre espiritual, dos textos sagrados e de especialistas de diferentes campos da ciência. Não viva a vida tendo como fonte de conhecimento seu feed e notícias do Facebook ou a televisão.

No meu livro, “O Caminho 3T”, eu falo da importância deste campo de perfeição do caminho do yoga, chamado de “jnana”, e como fazer para cultivá-lo.


Veja aqui meu vídeo sobre este tema.

___________
Direitos autorais da imagem de capa: fabianaponzi / 123RF Imagens

Pessoas desnecessárias causam dores desnecessárias…

Artigo Anterior

O que faria o dna enlouquecer?

Próximo artigo

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.