publicidade

Por que somos negativos?

“Escapamos da morte quantas vezes for preciso, mas da vida nunca nos livraremos”. – Chico Xavier



Essa é uma pergunta que nos fazemos todos os dias, por que atraio tantas pessoas negativas, por que sou negativo?

Fazendo nossa caminhada pela estrada da vida, pensamos e observamos, expressar nossas emoções, sentimentos mais profundos, ter vida profissional, acadêmica, social e poder ter a escolha de como reagir a tudo isso é uma das melhores coisas da vida, saber que possuímos o livre-arbítrio nos tira aquela sensação de peso de ser o politicamente correto o tempo todo, que temos a chance de nos esquivar das situações da vida.

Lidamos com pessoas o tempo todo, isso significa que temos que conviver ou lidar com algumas personalidades, algumas fortes, outras mais passivas, algumas impactantes. Sempre pensei no fato do porque atraímos certos tipos de personalidades, muitas das vezes, são personalidades que mais detestamos, isso pode variar a uma gama de coisas, desde pessoas que falam alto, são desorganizadas e…até mesmo as pessoas negativas.


O fato, é que ninguém gosta de gente negativa, nem os negativos gostam de pessoas com essências negativas, geralmente essas pessoas vivem se queixando da vida por qualquer motivo, e a maior parte do tempo são queixas sem significado algum, mas para elas que estão na situação é o fim do mundo.

Precisamos perceber, entender, aprender e observar que somos energias pura, atraímos as coisas que estão lá no fundo das nossas almas. Não é o destino, não é o cosmo que define se você vai sofrer ou ser feliz, isso quem decide é você, quando você decide tomar uma postura diante as propostas da vida, lembrem-se o universo é totalmente imparcial.


É como está no livro The Secret: “O universo é imparcial, ele não quer saber se você é bom ou ruim, ele vai te dar exatamente aquilo que deseja” um dos exemplos que também é encontrado no livro que acho muito importante ressaltar é “Quando você cai de um prédio de vários andares, o universo não vai ver se você é bom ou ruim, de todas as formas você vai se machucar.”

Partindo dessa premissa, podemos observar o quanto nós nos autossabotamos todos os dias de nossas vidas, muitas pessoas de essência e caráter bom, sofrem por não tomarem um posicionamento adequado diante a vida, vivem no vitimismo, no pessimismo, tem tudo para ser um líder e um vencedor, mas peca pelo medo pela insegurança pessoal.

A responsabilidade pela dor ou pelo amor está em nós mesmos, quando decidimos optar pelo amor, você entende que é um ser pleno, com toda capacidade do mundo, não tem medo de se arriscar, tentar o novo, porque sabe que pode voltar a zona de conforto quando precisar, você pode dar passos enormes ou mais ponderados, mas no final a sua caminha quente e aconchegante estará lá a sua espera. Por outro lado, quando você se julga não merecedor da vida, dos ensinamentos da vida, automaticamente você vai absorver todo “lixo tóxico” que existe espalhado por aí, irá atrair pessoas cujo sua autoestima está degradada.

Quando entendemos, que de alguma forma, prestamos um papel muito importante nesse mundo, ocorre o que chamamos de despertar espiritual, porque nesse mesmo instante, seu corpo se encontra e se alinha com a sua alma, ambos estão conectados em perfeita harmonia, você se eleva a um patamar que em outras épocas jamais imaginaria que iria chegar.

Com isso, você se aceita exatamente como é, tanto no seu corpo físico quanto o espiritual, aceita o que você julga por defeito físico, o que pode ser um cabelo desalinhado, peso que acha que não está legal, como no seu espírito, como ser ansioso, nervoso etc e assim você consegue chegar a um meio termo e começa a trabalhar essas questões fazendo o que é possível para se aprimorar, e nesse período e nesse processo de evolução pessoal, vai notar que várias pessoas do seu cotidiano simplesmente desapareceram da sua vida, no começo pode ser um tanto embaraçoso mas com o tempo vai conseguir refletir que foi o universo atendendo seus pedidos e fazendo uma faxina por completo na sua vida, removendo tudo aquilo que não te faz bem, que não te agrega e esse é o melhor presente que a vida pode te dar.

Vai se dar conta de que é bom seguir o fluxo da vida sem reclamar, sem praguejar, vai aceitar as coisas como elas realmente são, sem a impulsividade, sem angústia, sem fantasiar coisas que não existem, vai ter mais amorosidade para com a vida e com as pessoas que estão a seu redor.

Vai entender finalmente que as coisas acontecem de acordo com sua variação emocional, que o universo atende a seus chamados e quando não está bem vai ter mais motivos para não ficar bem, e quando se concentra nas coisas boas terá mais motivos a agradecer.

Quando se trata em relação social, precisamos entender e observar que cada um está em um nível de consciência, é como se a vida fosse uma escada e cada pessoa está representada a um degrau, alguns estão nos degraus mais baixos, que indica pouca observação e despertar de consciência de si mesmo, e outros contudo, estão em degraus mais altos, esses já entenderam situações da vida, aprenderam a ser mais tolerantes, é claro que todos nós somos falhos e podemos cometer algumas atitudes das quais nos envergonharemos em um futuro, o importante, é tomar a consciência das coisas a nossa volta, perdoar, pedir perdão e seguir em frente, a vida é uma grande escola e estamos aqui para aprender, e todos vamos conseguir o “diploma de bom aluno”, basta ter consciência e perseverança e muita paciência, não só conosco mas com os outros, entender que alguns simplesmente preferem levar a uma vida extremamente superficial, e está tudo bem, é uma escolha, que terá consequências necessárias como qualquer outra escolha.

Em resumo, precisamos tirar todos os dias,pelo menos 10 minutinhos, para nos conectar com nossa essência, equilibrar nossas ações, pensamentos e sentimentos, refletir nossas atitudes e nos parabenizar pelos avanços conquistados. E quando os anos passarem, poderá ver a pessoa maravilhosa que se transformou ao longo desse tempo.

Baixe o aplicativo do site O Segredo e acompanhe tudo de pertinho. Android ou IOS.

Texto escrito com exclusividade para o site O Segredo. É proibida a divulgação deste material em páginas comerciais, seja em forma de texto, vídeo ou imagem, mesmo com os devidos créditos.




Deixe seu comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.