4min. de leitura

PRECISAMOS DE AMOR PARA VIVER…

É preciso de amor para viver


É difícil dizer para uma pessoa apaixonada que ela não deve correr atrás de tal pessoa. O amor nos faz transpor barreiras. Quando amamos não enxergamos problemas.

Quem nunca mandou uma mensagem atrás da outra, insistiu por mais uma conversa, mais um abraço, um beijo ou uma simples explicação de algo mal resolvido?

É complicado correr atrás de amor e não receber nada em troca, por isso muitas vezes nos decepcionamos. Mas a culpa não está nesse sentimento e sim no ser humano.


A gente vive de amor e necessita dele para viver. Não de um homem ou de uma mulher como um relacionamento, um casal, mas de afeto, ou uma atitude real de amor carinho com diz Morgan Freeman em A Volta do Todo Poderoso.

precisamos

A vida é acelerada, quase como uma corrida de fórmula um, é um Lewis Hamilton na pista. Nos perdemos no caos, no trabalho, nos problemas e no estresse. O que precisamos de verdade é só de um pouco de amor para seguir em frente.


E quando esse nível de amor, que é como uma bateria de celular fica em 35%, o corpo começa a entrar em estado de desespero. Assim, começamos a nos sentir sozinhos, perdidos, abandonados e largados pelo mundo. E é nessas horas que precisamos urgentemente de uma tomada para recarregar a energia do amor.

Temos a mania de complicar as coisas e fazemos exatamente a mesma coisa com o amor. Que é um dos sentimentos mais lindos que existe. Esquecemos que ele é simples.

Queremos sempre esperar um momento certo para dar a alguém e não deveríamos. Temos de sobra. Amor tem que ser dado e compartilhado, é assim que ele cresce e enche nossas vidas.

Com mais amor sonhamos mais alto, sorrimos mais e consequentemente transmitimos para quem está com o nível baixo de amor.

É como já li na internet “não sabemos das batalhas diárias que o outro esta passando”, cabe à nós sermos humildemente bondosos e carinhosos com eles, e essa é uma atitude de amor.

Amor não está somente na relação entre homem e mulher, existem diversas formas. Não é questão de escolha de quem amar, mas sim de distribuir de graça.

Tudo aquilo que se faz com o coração renova a sua vida e de várias outras pessoas. Já ouviu dizer que o amor mata, destrói corações, que chateia ou faz chorar?

Não. Pois bem, o amor não mata, o ciúmes sim. A falta de caráter, de sinceridade e humanidade também, inclusive mentiras.

O amor tudo espera, tudo supera, é bondoso e generoso. Precisamos pratica-lo e compartilha-lo.





Deixe seu comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.