Notícias

Procuradora é agredida por colega após abrir processo contra ele; veja vídeo

Foto: Reprodução
Procuradora é agredida por colega após abrir processo contra ele veja vídeo

A procuradora-geral do município paulista de Registro, no Vale do Ribeira, foi espancada por um colega dentro da própria prefeitura.

Imagens mostram as agressões contra Gabriela Samadello, de 39 anos, que ficou com ferimentos, principalmente na cabeça.

Outras mulheres tentaram segurar o agressor, o também procurador do município Demétrius Oliveira de Macedo, que trabalhava com Gabriela na procuradoria havia nove anos e era subordinado a ela desde o começo deste ano.

Gabriela diz acreditar que ele não aceitava ter uma mulher como chefe. Recentemente, ela abriu um processo contra ele por destratar uma funcionária da procuradoria. Nesta terça-feira (21), a Prefeitura de Registro afastou o procurador de suas funções, com suspensão de pagamento do salário. O caso foi registrado na Delegacia da Mulher.

Demétrius prestou depoimento e foi liberado. Ele alegou que estava sendo moralmente assediado, segundo a polícia. Por sua ação, ele vai responder por desacato e lesão corporal.


Se você presenciar um episódio de violência contra a mulher ou for vítima de um deles, denuncie o quanto antes através do número 180, que está disponível todos os dias, em qualquer horário, seja através de ligação ou dos aplicativos WhatsApp e Telegram.

0 %