Comportamento

Produtor vai contra atriz trans ter papel principal em clássico do cinema: “Forçar algo não natural”

O famoso produtor de teatro deu uma declaração polêmica sobre a inclusão de pessoas trans em certas obras já consolidadas. Entenda!



A inclusão das pessoas trans na sociedade é um tema que vem sendo bastante discutido nos últimos tempos, e algumas vezes podem gerar muita polêmica, uma vez que muitas pessoas concordam que se trata de algo que deve ser normalizado, mas outras pensam o oposto disso.

Esse tipo de divergência pode ser encontrado tanto em contextos pessoais quanto em profissionais. Recentemente, o tema foi abordado por um grande produtor de teatro de maneira que não agrada a todos.

Segundo informações do “Daily Mail”, o produtor britânico Sir Cameron Mackintosh, 74, que produziu peças como “Os miseráveis” e “O fantasma da ópera”, disse que musicais clássicos do West End (região de Londres, famosa pelos grandes teatros) não deveriam ser reescritos para oferecer papéis principais a pessoas transgêneras.


Ele afirmou que não se deve ser implantado no personagem algo que não seja inerente a ele ou à história, acrescentando que mudar as peças já conhecidas e estabelecidas para esse tipo de inclusão prejudicaria a “integridade” da peça.

Mackintosh ainda disse que fazer isso é “tentar forçar algo que não é natural”, e que o mais importante é a peça ter uma história forte e que ela é que sempre deve ter destaque. O produtor também falou em específico sobre o clássico do cinema e do teatro “Mary Poppins”, afirmando que também não está de acordo com uma protagonista transgênero, defendendo que a história original não é sobre isso.

Ao invés de colocar pessoas trans em papéis de obras já conhecidas pelo público, Mackintosh sugeriu que os escritores das novas gerações desenvolvam trabalhos que incluam transgêneros, para que eles já tenham papéis definidos desde o princípio.

Essa não foi a primeira vez em que essa pauta gerou polêmica nos famosos teatros de Londres. No ano passado, a atriz transgênero Kate O’Donnell se recusou a estrelar uma nova peça do West End, quando foi escalada para interpretar uma mãe comum, enquanto um ator cisgênero recebeu o papel de um personagem transexual.


A atriz declarou que não poderia fazer parte de um show em que mais uma vez uma mulher trans é vista de vestidos apenas, porque isso perpetua a ideia de que é assim que essas mulheres são, o que nem sempre é verdade, e pode levar à violência.

Encontre os 3 erros nesta imagem no menor tempo possível e teste a sua capacidade de concentração!

Artigo Anterior

Mãe relatou que a filha de 7 anos perdeu 8kg em 6 meses por conta de bullying na escola

Próximo artigo

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.