publicidade

Qual foi a última vez que você fez algo pela primeira vez?

Não há lógica nas entrelinhas de nossa vida, ou você decide acordar todos os dias, acreditando que de fato é um dia único ou você vai viver esperando a sexta-feira chegar para ser feliz.



É inacreditavelmente estranho, nós temos as respostas essenciais para as perguntas mais complexas a respeito da forma que escolhemos viver e contraditoriamente resolvemos responder ao nosso “público” com um “tanto faz” meio arrastado e materializado em nossas atitudes.

Não é seu vizinho que escolhe por você, nem o seu melhor amigo e muito menos a sua família. Acredite! Depende de você acordar todos os dias, tomar decisões e traçar metas para realizá-las. Não precisam ser grandes decisões, mas pequenas atitudes decisórias, tomadas da melhor forma e de maneira rotineira,é que transformam a sua realidade ou mudará seu futuro.


Quando foi a última vez que você fez algo pela primeira vez? Ontem? Mês passado? Se a resposta for: “Eu não me lembro! ”, melhor você lembrar que ainda está vivo e que precisa ser protagonista da sua vida.

Que emagrecer? Faça exercícios, reeduque sua forma de alimentar-se e não comece sua dieta somente na segunda-feira.

Quer viajar e não tem dinheiro? Pense em uma forma de ganhar dinheiro honestamente, trabalhe arduamente e priorize gastar seu dinheiro com suas viagens.


Não aguenta mais o seu trabalho e nem sua profissão? Comece a procurar outro emprego e outra profissão hoje, não empurre suas decisões para amanhã. Ninguém sabe quanto tempo se tem.

Quer ser mais tranquilo e levar uma vida mais leve? Comece fazendo uma “faxina” interna ao invés de achar que o seu próximo é quem é estressado.

Vou te contar um segredo: Você sempre teve essas respostas. Agora faça uma pergunta a si mesmo: Você toma alguma atitude para mudar a sua situação?

Tenha orgulho da vida que você leva e sinta vergonha de reclamar, não existe coisa mais massacrante do que conviver com “figurantes” da própria vida. Não tem mistério e certamente o ato de reclamar de tudo e de todos nunca foi uma “ponte” para a solução.

Fazer algo novo pela primeira vez, é permitir-se conhecer, escutar, ler e descobrir coisas que ainda não estavam em sua rotina. Esse algo novo não precisa ser precisamente grandioso e muito menos inalcançável, basta ser algo que você sempre teve vontade de fazer e por algum motivo não o realizou.

Ler um livro novo que você deixou esquecido na estante,fazer uma tatuagem,ir a um restaurante novo para você,ligar para um amigo de infância,sair sozinho(a) para desfrutar da própria companhia,ir ao cinema  em um dia na semana após o trabalho,aprender a nadar. Viu só?! É simples, basta escrever o próximo capítulo e não esperar ninguém para protagonizar a sua própria história.

 

Baixe o aplicativo do site O Segredo e acompanhe tudo de pertinho. Android ou IOS.

Texto escrito com exclusividade para o site O Segredo. É proibida a divulgação deste material em páginas comerciais, seja em forma de texto, vídeo ou imagem, mesmo com os devidos créditos.




Deixe seu comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.