ColunistasEnergiasReflexão

Quando você se eleva, algo se eleva dentro de você!

“Quando você se move, algo se move dentro de você. Quando você se eleva, algo se eleva dentro de você”. Esta foi uma das mensagens aprendidas na subida ao Monte Crista, em Garuva, Santa Catarina (Brasil).



Foram horas caminhando e escorregando no barro molhado pela chuva fina, nos sete quilômetros subindo. Tinha o apoio do cajado de bambu, que escolhi e me escolheu, na solenidade de Ritos da Montanha, conduzida por José Scussel. Estava num grupo grande e o ritmo era do mais fraco. Em competições, o mais forte segue na frente, mas aquelas pessoas não competiam, se apoiavam, cada um na sua jornada de superação.

Atravessamos a impressionante Mata Atlântica, generosa em variedade de plantas e árvores. Mais ao alto, algo incrível: toquei os pés em trechos da lendária trilha de pedra estimada em mais de 1000 anos de existência: o Caminho do Peabiru. Diz a história que o caminho era utilizado pelos povos sul-americanos, antes da colonização européia, sendo uma ligação até a cidade de Cusco, no Peru. Estendia-se por, aproximadamente, três mil quilômetros e também passava pelo Paraná, Bolívia e Paraguai.

QUANDO VOCE SE ELEVA FOTO 01


Foram muitas mãos apoiando as outras, e muito silêncio rumo ao topo. O que tinha no topo, a 968 metros de altitude, em relação ao nível do mar? Além do monumento sagrado de pedra, lembrando um homem sentado, que simboliza o Guardião do Crista, no topo poderia estar descansando a paz, que já não encontrava de maneira alguma no chão. Nem era a mochila tão difícil de carregar, nem tão extenuados ficaram os músculos das pernas, mesmo sendo alguns degraus tão altos que era necessário alguém da frente puxar o que vinha atrás. Era uma tristeza, que eu andava carregando que pesava feito chumbo.

Na noite anterior, antes do jantar, na Pousada Monte Crista, com uma deliciosa sopa de abóbora, uma pequena caixa sobre a mesa da recepção chamou minha atenção. Dela, tirei um papel. Um susto, ao ler o recado de morte. Comentei com minha prima Tereza, estudiosa de terapias, mestre de Reiki, e uma das guias da trilha. “Este recado indica que algo precisa morrer, precisa ser encerrado, como está não pode ficar”, ela explicou.

QUANDO VOCE SE ELEVA FOTO DE CAPAAA

Fazia todo sentido, mas a aceitação só veio algum tempo depois. Subi, desci, e ainda fiquei insistindo em manter vivo algo que deveria ter deixado mesmo seguir. Como diz uma sábia amiga, “há sinais por toda parte”, e tinha recebido praticamente um contornado em neon, antes mesmo de colocar os pés na trilha. Mas algo se elevou dentro de mim naquela caminhada, e algo se moveu. Finalmente, algum tempo depois, saí daquele ponto estagnado para olhar adiante, e ver todas as cores do mundo.


Mova-se. Eleve-se. Há muita beleza destinada a você, e também aguardando a tua beleza chegar.

Escolher é abrir mão de viver todas as outras opções…

Artigo Anterior

Eu acredito mesmo que o amor seja a forma mais poderosa de oração…

Próximo artigo

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.