publicidade

Quanto mais nos subestimam, mais enxergamos a verdade!

Você é daquelas pessoas que observam tudo ao seu redor, mas fingem não estar vendo nada? Isso pode ser bom e ruim…

Quando alguém o trata com descaso e/ou desrespeito, você sorri e faz de conta que não notou aquela má intenção, para evitar conflitos desnecessários e também para observar quais os limites que a pessoa pode alcançar.



Analisar os fatos sem responder prontamente às provocações lhe oferece tempo hábil para pensar em uma ação ou resposta e isso é excelente! Afinal, grande parte das pessoas já se arrependeu por ter agido no impulso de um momento, repleto de fortes emoções. Até aí, tudo tranquilo!

Esse tipo de atitude costuma funcionar bem em situações pontuais, ou seja, quando o descaso e desrespeito são esporádicos e provêm de fontes distintas.

Entretanto, quando a desmoralização é frequente e a apatia entra em cena, ao invés da busca por uma solução, isso se torna um problema.

E esse problema se agrava quando você se torna uma pessoa ferida, quando se lamenta, acredita que é um fracasso e instintivamente concorda com toda aquela agressão verbal, dando total razão ao ofensor. Com certeza, essa não é a maneira que vai levá-lo à resolução das suas dificuldades!

Se você não gosta de conflitos e quer resolver sua situação da forma mais pacífica possível, respire fundo, mantenha a calma e desenvolva uma estratégia inteligente, que se não lhe der uma saída total do problema, pelo menos ajudará a amenizar essa questão.


Afinal, quem causa toda essa confusão pode ser alguém do seu trabalho ou da sua família, por isso, ter cautela é bom.

Faça um exercício de autoconhecimento, compreenda que você tem um enorme potencial e filtre aquelas críticas, avaliando se são positivas ou negativas.


Percebendo que aquelas críticas não servem para nada e que são apenas inveja ou uma forma de “pegarem no seu pé”, pergunte a si mesmo até onde vale a pena revidar.

Feita essa análise, você se sentirá apto para seguir sua vida e entenderá que o verdadeiro problema não está em você ou com você, mas na outra pessoa que tem pouca luz e precisa ofuscar o brilho do próximo para minimamente faiscar.


Direitos autorais da imagem de capa:  Daniil Lobachev on Unsplash.

Baixe o aplicativo do site O Segredo e acompanhe tudo de pertinho. Android ou IOS.

Texto escrito com exclusividade para o site O Segredo. É proibida a divulgação deste material em páginas comerciais, seja em forma de texto, vídeo ou imagem, mesmo com os devidos créditos.




Deixe seu comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.