Amor

Quem ama não adoece

555554

Muito se tem estudado nos dias de hoje a respeito dos efeitos do amor na nossa saúde e nas nossas vidas de uma forma geral.



Podemos afirmar que indivíduos que não foram amados adequadamente, na maioria das vezes não conseguem amar com desprendimento, tornando-se assim pessoas infelizes.

O adoecimento do corpo serve para dar vazão a esse sofrimento produzido muitas vezes pela falta de amor.

A prática do amor gera saúde, quem ama a si mesmo e aos outros, quem deseja o bem ao seu próximo, quem pratica a caridade aos mais necessitados, vive mais e com muito mais saúde, disposição e harmonia.


Para não adoecermos é necessário aprendermos a lidar com as nossas emoções e as nossas imperfeições, afinal de contas somos humanos e estamos em processo evolutivo.

É necessário estar sempre atento as nossas ações, cultivar bons hábitos, falar dos seus sentimentos, sem medo, sem julgamento, cuidar da saúde física, ler bons livros, perdoar a si mesmo e aos outros através da prática da compreensão.

Dê sentido a sua vida, trace metas possíveis de serem alcançadas, seja bom, seja útil, onde quer que você esteja.

Aceite-se como você é, seja você mesmo, trabalhe suas imperfeições, seus instintos agressivos e o seu lado egocêntrico, pratique o exercício da empatia, agindo assim poderá compreender melhor o sofrimento alheio.


Liberte-se da opinião dos outros, esteja em paz com sua consciência, faça tudo com muito amor.

Viva com simplicidade, complicamos demais a vida, vivemos num mundo de ilusões materiais, onde o “ter” é mais importante que o “ser”.

Contribua para o bem estar das pessoas, encare as dificuldades com confiança e fé, transforme problemas e oportunidades.

Seja grato por tudo o que Deus tem proporcionado na sua vida, busque Deus em tudo, agindo assim encontrará paz interior e não haverá espaço para as doenças da alma.


É com uma atitude de amor para com o próximo e a si mesmo que teremos a saúde da alma, do corpo e do espírito.

(Adriana Lobo)

Cuide do bem mais precioso da sua vida… Antes que seja tarde!

Artigo Anterior

Pessoas insuportáveis e pessoas insuperáveis

Próximo artigo

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.