Desenvolvimento PessoalFelicidadeO Segredo

Quem dedica seu tempo melhorando a si mesmo, não tem tempo para criticar os outros

“Um dos melhores indicadores de pobreza emocional de uma pessoa é dedicar seu tempo e esforço para criticar os outros.”



Não há nada mais estressante do que ouvir uma pessoa criticando tudo o que se move. Além disso, vivermos cercados por este negativismo peculiar faz-nos sentirmos terríveis, porque as palavras e atitudes de um crítico são como vírus, que entram em nossa mente e a devastam.

Das pessoas que criticam é melhor nos afastarmos, pois nos intoxicam de tal forma que nos desequilibram. O preço de viver em paz é incalculável, por isso não devemos permitir que qualquer pessoa viole nosso espaço físico e psicológico.

As pessoas felizes não falam mal dos outros


Quanto tempo por dia você investe em ouvir críticas? Muito? Pouco? Bem, é hora de dar um passo pro lado e se afastar de certas situações ou pessoas. Seu bem-estar e equilíbrio emocional podem estar em perigo.

“Portanto, dedique seu tempo para melhorar a si mesmo e seu ambiente. Isso servirá a dois propósitos: manter uma perspectiva saudável sobre a vida e aprender com o exemplo.”

Ou seja, se em vez de apontar para os outros nós nos importássemos em corrigir nossos próprios erros, alcançaríamos o mais elevado nível de bem-estar emocional existente.

Nós não somos perfeitos e não devemos fingir que somos, mas é importante manter uma atitude de melhoria contínua que nos dá a chance de viver nossas vidas sem nos submetermos aos estados emocionais dos outros.



O que outras pessoas pensam de você é realidade delas, não sua

“As pessoas mais infelizes deste mundo são aquelas que se importam muito com o que os outros pensam.”

Há pessoas que dão sua opinião sobre nós, nossas vidas e decisões ou qualquer questão ao seu redor. Elas fazem isso mesmo que ninguém tenha pedido. Normalmente suas opiniões são maliciosas ou desprovidas de critérios, cuja única finalidade é machucar, humilhar e desfrutar da tristeza alheia.


Geralmente, essas são pessoas com baixa autoestima que não se aceitam e, por isso, dificilmente podem aceitar os outros. Essas pessoas colocam rótulos que refletem a realidade de como se sentem, projetando assim suas dificuldades emocionais.


O dano emocional das críticas

“Não preste atenção às coisas que os outros fazem ou deixam de fazer, preste atenção ao que VOCÊ faz ou deixa de fazer.” – Buda


Comece a curar suas feridas emocionais sabendo que cada um de nós é único e excepcional. Para viver, você não precisa da opinião de ninguém. Na verdade, você é um adulto que, em seus plenos poderes, pode tomar decisões por si mesmo.

Faça com que suas emoções e sentimentos valham a pena, perca o medo de sentir e pensar por si mesmo. Ouvir críticas e fofocas constantemente perturba a todos, mas não é você quem está fazendo isso.

Não se esqueça de que as críticas sem fundamento carregam consigo grande pobreza emocional no mundo interno de quem critica. Se a pessoa não deseja crescer, se vive isolada em seus ressentimentos e não permite qualquer tipo de ajuda, você deve ser emocionalmente egoísta. Afaste-se, fique feliz e proteja sua vida interior.

 


___

Traduzido pela equipe de O Segredo

Fonte: La Mente es Maravillosa


Quanto tempo leva para esquecer alguém?

Artigo Anterior

A cura que você procura!

Próximo artigo

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.