publicidade

Recomece todos os dias como se fosse o primeiro. Com muita gratidão, fé e amor. Confie!

Seja luz na escuridão! Celebre a vida e recomece todos os dias como se fosse o primeiro!

Por piores que sejam os furacões da vida, eles não podem tirar nosso equilíbrio, serenidade, bom humor, entusiasmo, alegria e paz interior.



Os maus momentos servem para revirar com tudo e transmutar. Sim, eles acontecem para amadurecermos, aprendermos e nos colocar na nossa jornada verdadeira.

No entanto, nada adianta o pânico, a tristeza e o desânimo.

Os furacões da vida são necessários para o processo evolutivo e temos de enfrentá-los, com paciência e gratidão, sem nos desconectar do nosso Eu Superior, da nossa essência e do que realmente importa.


Seja flexível, versátil, criativo, abra-se para o novo. Seja grato pelas tempestades da vida, pelos erros, tropeços e dor.

Os acontecimentos levarão ao desprendimento de tudo que precisa ir embora: pessoas, crenças, valores, formas, formatos, para que tenhamos um novo direcionamento com mais sabedoria.

Quando entendemos verdadeiramente que para a alma tudo é experiência, é passageiro, é transitório, nada pode nos machucar.

A vida nos ensina a sair da ilusão. Então, agradeça, perdoe e com fé siga em frente. Seja luz na escuridão.

O que vem depois das tempestades, furacões, vendavais, turbulências, tsunamis?


Calmaria e clareza. Portanto, seja paciente, e acredite: tudo se ajeita como tem que ser. A vida é perfeita e linda e cada aprendizado é essencial para nos deixar mais fortes e sábios.

Quando os furacões surgirem, seja luz e irradie luz. Diga a si mesmo: “Eu sou luz e a minha luz me torna imediatamente invisível e invulnerável”.

Celebre a vida e recomece todos os dias como se fosse o primeiro. Eleve a vibração com muita gratidão, fé, consciência e amor.

Confie!

Baixe o aplicativo do site O Segredo e acompanhe tudo de pertinho. Android ou IOS.

Texto escrito com exclusividade para o site O Segredo. É proibida a divulgação deste material em páginas comerciais, seja em forma de texto, vídeo ou imagem, mesmo com os devidos créditos.




Deixe seu comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.