Recomeço é sopro de vida! Recomece todos os dias…



Farei um breve texto sobre a palavra “recomeçar” – tão poderosa e leve –, e tomarei como embasamento para a escrita de hoje alguns trechos da linda poesia de Bráulio Bessa, “Recomece” do seu livro “Poesia que transforma”.

A palavra ‘recomeçar’ é a minha predileta, meus pacientes sabem disso, com toda certeza. Ao pronunciá-la ou escutá-la, é possível associar à vida e a expressão ‘seguir em frente’, ou seja, poder recomeçar é poder buscar constantemente a nossa evolução e alçar conquistas.

Recomeço/recomeçar é mais que uma palavra, é uma atitude diária na vida do sujeito. Como nos disse o querido Bessa em sua poesia:

“Recomece, refaça-se, relembre o que foi bom, reconstrua cada sonho, redescubra algum dom,

reaprenda quando errar, rebole quando dançar, e se um dia, lá na frente, a vida der ré, recupere sua fé e RECOMECE novamente.”[1]

Recomeço é um sopro de vida. É um despertar que nos permite buscar a transformação interior dia após dia. É saber que, mesmo diante das quedas, podemos levantar, reiniciar e seguir em frente.

É preciso coragem. É preciso persistência. É preciso tentativas. Dentro do recomeço tudo isso há!

Então, vá, encha-se de encorajamento e persista, pois algo está por vir, mas é preciso que você desperte, permita-se, movimente-se. E, se cansar, lembre-se:

“Quando você cair e ninguém lhe amparar, quando a força do que é ruim conseguir lhe derrubar… é hora de recomeço. Recomece a LEVANTAR. Quando a falta de esperança decidir lhe açoitar, se tudo que for real for difícil suportar… é  hora de recomeçar. Recomece a SONHAR”. (BESSA, 2018).

Há dias em que não estamos bem e faz parte da nossa trajetória – ora dias ruins; ora dias bons. Mas mesmo nos dias turbulentos, temos a oportunidade de deixar recomeçar e algo transformar dentro de nós. Uma vez escrevi: “Vai e caminha no caminho que você escolheu, e se em algum momento acreditar não ser mais esse a seguir, então recomece, reconstrua-se e continue em frente”.

Isso! Aí está o grande presente que a vida nos dá todos os dias, poder nos refazer e acreditar em dias melhores. Afinal de contas…

“Quando tudo for escuro e nada iluminar, quando tudo for incerto e você só duvidar… é hora de recomeçar. Recomece a ACREDITAR” (BESSA, 2018).  



Não precisa se apressar, basta ter vontade de ir…

Caminhando, velejando ou voando, mas seguindo em frente, descobrindo e redescobrindo. Quem escolhe por onde e como ir é você. E se precisar de ajuda, procure-a, afinal, o ser humano foi criado para ajudar um aos outro, sempre e para sempre – em constante evolução.

Acredite em dias melhores! E quando doer, reaprenda com ela e, claro, recomece mais uma vez.

Enfim…

“Penso que cumprir a vida seja simplesmente compreender a marcha e ir tocando em frente…” (SATER)[2]. Sempre em frente, recomeçando, reconstruindo, ressignificando, reinventando-se.


Direitos autorais da imagem de capa licenciada para o site O Segredo: .123rf / profile_goce

[1] Transcrito da mesma forma que está inserido no livro “Poesia que transforma” (BESSA, Bráulio, 2018).

[2] Trecho da música “Tocando em frente” do compositor Almir Sater.






Deixe seu comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.