ColunistasComportamentoReflexão

Recomeços… – a vida é instante. Busque a sua melhor versão!

recomeços

Existem dias em nossas vidas que a única força que temos é o: desistir. Em dias como esse o que sobressai é o cansaço. Um cansar diferente daquele que é físico, mas que é bem próximo de esgotar as energias do corpo e da alma. É quando tudo que você consegue pensar se resume em: Não vou conseguir, é melhor desistir! E então tudo a sua volta e pra qualquer lugar que você olhe parece não haver uma saída, você suspira longamente, se entristece e procura um explicação fora, uma explicação na vida, no outro, na relação. É quando muito de tudo perde o sentido e você se sente impotente e incapaz.



Mas da mesma forma que essas sensações brotaram, surge de repente, uma voz lá no fundo da sua consciência e alguns sinais aparecem e você começa a refletir e eis que a solução ou uma esperança renovada dispara seu coração.

Eu sei que não é fácil. Os questionamentos negativos são pesados demais, eles tem argumentos poderosos que nos colocam naquela zona gostosa de conforto do: olha pra mim, como sou vítima de toda essa história que escolhi viver. Os conflitos internos ganham força e poder, e parece que se abre um portal e tudo começa a fluir nessa vibração da negatividade, eu entendo o que você sente, porque eu sinto e conheço muitas pessoas que sentem, que vivem essas emoções e sensações. Mas cada um de nós tem uma missão e uma trajetória, então nos momentos de penumbra, converse com Deus. Encontre as respostas no seu coração, é lá que Deus se faz presente e lhe entrega as tantas soluções para qualquer desafio.

Quando você para de olhar em volta e se volta para dentro, para encontrar, mesmo que passando por vales tenebrosos de dúvidas, dor, “beco sem saída”, quando você consegue olhar para você, sem mágoa e culpa enxergando o que você é, ou seja: amor, todas as dores se vão e você abre a porta de entrada para o Deus que habita seu ser e assim ele entra no cômodo mais importante da profundidade do seu templo.


Por uma questão cultural, acredito eu, nós ocidentais, temos nossa mente programada para pensar que o caminho mais fácil é o caminho da dor, uma vez que na dor encontramos “aconchego”, “olhares atenciosos”, “conforto e proteção”, além de carregar a crença de não poder ter tudo que desejamos, porque acreditamos no não merecimento. Assim nos sabotamos muito, quase o tempo inteiro, quando não nos permitimos a felicidade por acreditar que ela não é possível existir por completo. A verdade é que a felicidade é um estado de espírito, é uma questão de ser que vem da alma. Felicidade não depende de muitas coisas, quando se é feliz, se é feliz e ponto.

Se hoje você está experienciando algum desafio, alguma dor, tragédia, tristeza ou qualquer sentimento ou emoção que deixe sua frequência baixa, convido você a parar um pouco, respirar fundo, refletir toda a sua jornada. Do começo da sua história até agora, quantos passos já foram dados? Quantas vezes você pensou: agora não vou conseguir!?

Por mais difícil que esteja, acredite em mim, os dias passam e os ciclos mudam. É como as estações do ano, ano-novo, fases da lua, vivemos mudando de ciclo, cada dia de uma maneira diferente. Procure o melhor para você. Recomece quantas vezes for preciso. Reinvente você em mil versões até que encontre a que mais combina com o que você vem se tornando.

A vida não vem com manual de instruções, e muitas vezes o caminhar se faz insuportável por alguns minutos, mas se você conseguir refletir a beleza e magnitude de tudo, se por um momento você conseguir refletir em quantos outros momentos você já teve situações muito mais desafiadoras e conseguiu sair um vencedor ou vencedora e se fizer uma retrospectiva da sua própria vida, sem comparação com a vida alheia, mas lançar um olhar profundo, intenso buscando minunciosamente os capítulos tenebrosos da sua trajetória até o momento, você vai conseguir se olhar diante o espelho e ver o quão vitorioso ou vitoriosa você é. Simplesmente porque você foi escolhido entre milhões para estar aqui, você venceu barreiras para ganhar vida. Você nadou o impossível e vive uma vida misteriosa e carregada de imaginação e mesmo assim, você transpõe as barreiras e vive cada dia. Portanto se hoje as cores da sua aquarela ficaram escuras e se você se sente ameaçado pela sua própria história, pare novamente e respire fundo a vida que lhe foi presenteada.


E se até hoje você apenas vive, repense seriamente sobre as ideias que circundam sua mente a despeito de tudo que o cerca, porque viver, acordar a cada dia é um presente, um depósito de confiança de que o melhor será feito hoje. Sendo assim, cuide bem de você! Ame e expresse seu amor, escute e entenda os sinais, tenha calma e compreensão com seu processo e por fim, liberte-se de tudo que aprisiona a sua alma e impede que ela viva plenamente, se entregue para que o processo perdure!

Se eu fosse você, eu não voltava para mim…

Artigo Anterior

O que se esconde por trás da sua bagunça?

Próximo artigo

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.