5min. de leitura

Reforma íntima: o que é isso?

Reforma íntima: este é um tema de grande interesse dos que buscam o aperfeiçoamento e o equilíbrio do ser humano. No entanto, ainda não foi compreendido pela grande maioria das pessoas.

As pessoas buscam a anulação do sofrimento, a busca pela felicidade completa. Focam tanto nessa meta, que não conseguem perceber que, não é necessário fazermos esforços gigantescos que exijam de nós um desgaste acima dos limites.


O que necessitamos para excluir definitivamente de nossas vidas o sofrimento?

O que precisamos fazer para atingirmos a felicidade completa?

Para alguns, a felicidade está em ter sucesso no campo financeiro e muitos bens materiais, para outros no campo amoroso, para mais alguns no campo das relações familiares e amigos, outros na perfeita saúde física e estética perfeita, e até reconhecimento social.


Se analisarmos bem em nosso mundo atual, quem de vós poderia apontar alguém, que tendo alcançado um desses objetivos, ainda não procure alcançar outros.

Conhecem, com certeza, pessoas que apesar do sucesso financeiro, não se realizam no campo sentimental. Ou, mesmo tendo alcançado o sentimental e amoroso, não se realizam no campo das finanças.


Com certeza, lembrarão de alguém que alcançou o objetivo financeiro, mas não atinge o sucesso nas relações familiares e de amizade, saúde ou estética corporal.

O objetivo deste artigo é tão somente demonstrar que todos esses setores de nossas vidas estão intimamente conectados.  E que, como uma máquina complexa com muitas engrenagens onde todas se relacionam. Direta e indiretamente, precisamos repensar como interagimos com isso.

Sabendo desta conexão, precisamos realizar uma “reforma íntima”. Mas o que é isso? Como fazer?

Primeiro é preciso entender a nossa vida como um espelho do que sentimos, do que pensamos, do que falamos e como agimos.

Vamos então fazer um exercício simples: escolha um desses setores de sua vida que deseja alcançar sucesso e procure identificar seus pensamentos e opiniões sobre isto. Identifique se talvez seja agora a hora de ver essa parte de sua vida como uma terceira pessoa que olha de fora. o que você faria para ajudar esta pessoa?

Feita esta avaliação e identificado padrões de pensamentos, sentimentos, palavras e ações (que você já identificou que não deram certo no passado) o que fazer agora?

Desta forma, só há uma atitude a ser tomada a de reformar intimamente os velhos padrões de pensamento, sentimento, palavras, ações, atitudes, comportamentos.

A reforma íntima é isso, ela faz com que você se regenere na sua capacidade de ver as mesmas situações ou semelhantes por um ângulo diferente, analisando o que é melhor para si mesmo.

Analise se você está tratando o seu próximo como gostaria de ser tratado. Se você está se esforçando para conseguir o sucesso financeiro que deseja. Analise se está se comportando de tal forma que atraia um amor ou amizades compatíveis.

Para mudar o mundo à sua volta, é preciso mudar a partir de si. O universo responderá por sintonia, encaminhando situações compatíveis com a sua energia mental, emocional, espiritual e física.

Reforme o que pensa, fala, sente e como age e aguarde os resultados, dê-se esta oportunidade, afinal, o que tem a perder?

Lembre-se: seus pensamentos se tornarão palavras e ações guiadas pelo sentimento.

Pense positivo, fale positivamente, guarde somente sentimentos positivos e aja sempre positivamente.

Uma dica: como na reforma de uma casa, você precisa começar por algum lugar certo? Então comece pelo pensamento, ele é o alicerce a base. Sentimentos, palavras e ações seguirão este padrão de pensamento sem fazer força, naturalmente.

Boa sorte em sua reforma íntima. A casa é sua e só a você caberá fazê-la como melhor lhe convier, para que tenha conforto, segurança, saúde, prosperidade e sucesso em sua nova casa, sua nova vida.

Seja bem-vindo e feliz!

________________

Direitos autorais da imagem de capa:  Natalia Figueredo on Unsplash





Deixe seu comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.