ColunistasPais e Filhos

Respire, você será mãe por toda a vida…

Não existe mãe perfeita pois estamos vivendo no aprendizado, então, calma! não há regras para ser uma boa mãe,  o que existe é apenas um ingrediente que faz toda a diferença: o amor.



Siga seu coração e intuição. Seja a mãe que você acredita ser melhor para seu filho.

Não precisa seguir modelos ou padrões,  seja apenas presente e consciente da sua missão.

Sim, mães ficam cansadas, e o cansaço atrapalha as emoções.  Perceba quando você precisa de um tempo para si para não descontar em quem é mais vulnerável.


Mães cansadas brigam, não ouvem e não têm paciência.  Respira!

Se precisar de ajuda, chame, peça,  não se sinta assim tão heroína,  você é mãe e também mulher. Cuide-se.

Não existe fase melhor nem pior de filho, cada fase é única e você pode ensinar e aprender em cada uma delas.

Saiba dar bons conselhos, mas também aprenda a ouvir. Filhos trazem sempre boas lições.  Ouça.


Você será sempre uma referência. Perceba seu atos, eles ensinam mais que grandes sermões.

Você é porto seguro e laço de confiança,  mantenha.  Isso faz toda toda a diferença na formação de um ser humano.

Seja a pessoa que você é e, junto disso, a mãe.  Não precisa se abandonar, alie.  Sinta prazer na mãe que você é.  É normal sentir -se culpada, mas na verdade, está tudo bem.

Nosso tempo é precioso, saiba dividi-lo com quem é, de fato, importante.  Faça escolhas certas e nem tudo é de extrema necessidade.


Filho nasce sem saber o que é pressa. Por isso, pare e veja as formiguinhas com ele no chão,  cave buracos, desenhe, ensine a amarrar um cadarço,  leve o tempo que necessitar para isso, ande com ele lado a lado, no ritmo de seus passinhos ou deixe-o falar sem interromper com suas opiniões.

Pare um pouco.  Deixe os filhos também serem, no tempo deles.

Está tudo bem. Você sabe que é uma boa mãe.  Essa é uma bela e honrosa missão.  Parabéns por sua coragem. Feliz dia!

Anieli Talon


___________________

Direitos autorais da imagem de capa: yarruta / 123RF Imagens

Radical mesmo é se entregar ao amor! escalar o everest deve ser outra coisa!

Artigo Anterior

Uma historia de ligação de mãe e filha…

Próximo artigo

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.