Notícias

Rifa ilegal de carro tem até dia com atriz pornô como prêmio extra

capafacebook rifa ilegal de carro tem ate dia com atriz porno como premio
Comente!

As redes sociais revolucionaram a forma como nos comunicamos. Se antes mantínhamos muitas informações sobre nossas vidas apenas para nós mesmos e pessoas mais íntimas, hoje em dia nos vemos quase que automaticamente compartilhando todas as novidades de nossas vidas em diversos canais online motivados puramente pelo desejo de atrair atenção e aumentar a nossa popularidade.

Essas mídias foram criadas com o intuito de ser um canal de aproximação de pessoas do mundo inteiro, bem como nos manter mais a par da vida daqueles que estão perto mas que, por alguma razão, não vemos todos os dias.

Por muito tempo, esse foi de fato o principal uso das redes sociais. Conforme íamos sendo apresentados a essa tecnologia inovadora, gastamos o nosso tempo online tentando compreender melhor as ferramentas, adicionando todos os nossos amigos e deixando recados carinhosos e engraçados para eles.

No entanto, com o passar dos anos, conforme a sociedade ficou mais familiarizada com essa forma de comunicação instantânea e com muito potencial de crescimento e lucro, as coisas foram se transformando. Vemos que muitas empresas investem pesado nas redes sociais para aumentar seu lucro e reconhecimento por meio de campanhas e anúncios bem-estruturados.

Muitas vezes, os conteúdos que consumimos não nos trazem mal algum, e podem tornar os nossos dias mais leves e divertidos, mas precisamos ser conscientes dos caminhos que seguimos nas redes, pois elas também podem nos levar a situações perigosas.

Todos já vimos na televisão ou conhecemos alguma vítima de golpe online pelas divulgações nas redes sociais. Pode até ser que nós mesmos tenhamos sido vítimas dessas situações.

Mesmo que nos consideremos experientes com as redes sociais e atentos a todos os tipos de golpes possíveis, podemos cair nas armadilhas de equipes especializadas em enganar e roubar as pessoas pelas telas de computadores e celulares.

Entre um dos tipos mais comuns de golpe online nos dias atuais, estão os sorteios ilegais, que podem ser feitos por meio de perfis sem um rosto específico ou mesmo pessoas que se passam por outras.

Em muitos desses sorteios, os organizadores costumam afirmar que as rifas são de cunho filantrópico e os sorteios, pela Loteria Federal, mas tudo não passa de enganação. Os sorteios falsos de automóveis têm ganhado amplo espaço nas redes sociais nos últimos tempos, e as ofertas dos enganadores cada vez mais atraentes.

Um desses sorteios têm chamado a atenção por um fator inusitado. Além do carro, um Mercedes-Benz C 200 seminovo, o ganhador da rifa também teria como premiação um dia na companhia da atriz pornô Elisa Sanches.

Cada uma das 9.999 cotas da rifa para o sorteio falso é vendida por R$ 30, totalizando a arrecadação de R$ 299.970.

2rifa ilegal de carro tem ate dia com atriz porno como premio extra

Direitos autorais: Reprodução

De acordo com o informado por matéria do UOL, esse tipo de sorteio não tem registro nos órgãos competentes, mas é muito rentável. Conforme investigado pelo portal de notícias, os sorteios realizados pela Loteria Federal, que mencionamos anteriormente, até existem, mas na forma de um título de capitalização emitido por instituições financeiras sob autorização da Superintendência de Seguros Privados (Susep). Nesses casos, o resgate é destinado a entidades beneficentes. Porém, não existe a venda de cotas individuais, e sim a aquisição de um título, que permite a cada pessoa receber um ou mais números para concorrer aos prêmios.

No caso do sorteio do Mercedes, a empresa não menciona as instituições beneficiadas pela arrecadação nem a autorização da Susep.

É preciso muita atenção e cuidado ao comprar qualquer coisa pela internet, especialmente aquelas com valores altos, para que não nos tornemos vítimas de golpes.

Comente!

Bolsonaro libera classe executiva para voos internacionais de ministros e servidores

Artigo Anterior

Filho de 2 anos morre engasgado e pai diz: “Fiz de tudo para salvá-lo”

Próximo artigo