Ritual havaiano: a regra dos três “S” para liberar bloqueios e emoções negativas

O povo havaiano possui uma sabedoria muito verdadeira, que já foi comprovada por estudos científicos. Quando acumulamos sentimos negativos em nosso interior, ficamos doentes. Para evitar a dor emocional, que também pode levar a condições de saúde, os nativos do Havaí desenvolveram um ritual próprio.

De acordo com os havaianos, é fundamental aprendermos a deixar ir as coisas que não nos levam para frente, porque apenas assim podemos evoluir e liberar nosso verdadeiro potencial. Aliado a isso está a prática de sorrir, porque nos permite enxergar o mundo com mais esperança e otimismo.

Abaixo, explicamos a regra dos três “S”, que o povo haitiano usa para se libertar das prisões da vida e construírem vidas mais felizes:

1. Sacolas pretas

A tradição das sacolas pretas é muito comum entre o povo havaiano e funciona da seguinte maneira: quando algum membro da comunidade está passando por um momento difícil na vida, o grupo se reúne e essa pessoa pode falar em voz alta tudo aquilo o que a preocupa. Cada uma dessas coisas é simbolizado por uma pedra, que é colocada em uma sacola preta.

Depois do final do ritual, a sacola com pedras é enterrada e somente resgatada quando essa pessoa realiza a regra dos três “s”, e o seguinte passo é simbolizar a liberação e destruição da sacola preta.

A pessoa que está participando do ritual, precisa fazer uma limpeza emocional interna, para que possa eliminar os sentimentos negativos, que nos tornam impuros.


2. Sorria sinceramente

Seguido da etapa das sacolas pretas vem o segundo passo: sorrir. É uma etapa que pode parecer simples, mas, na prática, é desafiadora. Afinal, logo depois de nos libertarmos de algumas coisas, por mais negativas que sejam, podemos nos sentir vazios.

No entanto, a única coisa que pode preencher o nosso vazio é o sorriso, a felicidade. Precisamos nos esforçar para encontrar motivos para sorrir e recomeçar.


3. Sinta o prazer da liberdade

Quando fazemos uma limpeza emocional profunda e aprendemos a encontrar motivos para sorrir novamente, podemos finalmente encontrar a liberdade e senti-la em nossos corações. A liberdade é transformadora e só pode ser conquistada quando nos liberamos de todas as “sacolas pretas” que ocupam nossas mentes e corações.

Sentir a liberdade é fazer as próprias escolhas, confiar em si mesmo e viver no momento presente, aproveitando todas as oportunidades de felicidade.

Quando a pessoa que começou no primeiro passo chega no final, a comunidade se reúne novamente para dar um fim à sua sacola preta, que contém todas as suas dores, medos e bloqueios.

Essa é um ritual muito poderoso, que permite que a pessoa cresça e se torne mais preparada para viver com plenitude. Pode ser uma boa alternativa para buscarmos nossa evolução espiritual.

Não precisamos seguir todos os passos do ritual, apenas incorporar os três “S” em nossas vidas pode nos ajudar em nossas jornadas.

O que você achou do ritual? Você o adotaria em sua vida? Comente abaixo!




Deixe seu comentário