Rússia pretende aprovar vacina contra a covid-19 em agosto. Produção deve começar em setembro!

Podemos estar mais perto de uma imunização contra a covid-19. A Rússia divulgou, na última quarta (29), que pretende aprovar a vacina contra o vírus no começo de agosto!



A cada dia avançamos mais na luta contra o coronavírus, e uma nova notícia traz a esperança que de que poderemos vencer o vírus logo.

Na última quarta-feira (29), a CNN divulgou a informação de que a vacina russa contra a covid-19, que está sendo produzida pelo Instituto Gamaleya de Epidemiologia e Microbiologia, receberá a aprovação regulatória local daqui a duas semanas.

Tatiana Golikova, vice-primeira-ministra da Rússia, explicou que a vacina tem registro previsto para agosto de 2020, caso “outro ensaio clínico para 1.600 pessoas seja realizado” em seguida. Ela também disse que o início da produção está previsto para setembro.


As autoridades do país esperam produzir até 200 milhões de doses até o fim do ano, sendo 30 milhões exclusivamente para a Rússia.

A vacina do Instituto Gamaleya está na segunda fase de testes clínicos, das três necessárias. Segundo a CNN, prevê-se que a segunda etapa seja concluída no dia 3 de agosto e a terceira envolva profissionais de saúde, para avaliar a efetividade da imunização.

A Rússia ultrapassou 800 mil casos confirmados, principal motivo para que o processo de aprovação da vacina esteja acelerado.

Kirill Dmitriev, chefe do Fundo Russo de Investimento Direto, que está coordenando e financiando o desenvolvimento das vacinas do país, comparou o sucesso da Rússia no desenvolvimento da imunização com o lançamento do Sputnik 1, primeiro satélite do mundo, desenvolvido pela União Soviética e lançado em 1957.


Dmitriev disse que tanto o Sputnik quanto as vacinas contra a covid-19 são resultado do trabalho de grandes cientistas russos.

Ainda segundo a CNN, os dados da pesquisa russa estão sendo reunidos e, no começo de agosto, estarão disponíveis ao público para revisão por pares e publicação.

E, ao que tudo indica, o Brasil está muito interessado em receber a imunização, especialmente o estado do Paraná, uma vez que um dos representantes do governo estadual participou de reunião com o embaixador russo nesta semana, para tratar de uma parceria, oferecendo-lhe a estrutura do Instituto de Tecnologia do Paraná (Tecpar) para produção das vacinas.

Ainda não há um acordo entre brasileiros e russos, mas esperamos que, se a imunização for aprovada, chegue ao povo brasileiro o quanto antes!

Compartilhe mais essa boa e esperançosa notícia com os seus amigos nas redes sociais!

 

Baixe o aplicativo do site O Segredo e acompanhe tudo de pertinho. Android ou IOS.

Texto escrito com exclusividade para o site O Segredo. É proibida a divulgação deste material em páginas comerciais, seja em forma de texto, vídeo ou imagem, mesmo com os devidos créditos.




Deixe seu comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.