ColunistasComportamento

Saia sempre pela porta da frente!

Isto mesmo, saia sempre pela porta da frente em tudo que fizer na sua vida! Na prática, o que isso quer dizer?



Vamos trabalhar alguns itens que considero exemplos clássicos.

Não está mais a fim de trabalhar onde está? Está desmotivado, não se sente valorizado, etc etc etc?  

Então, tome uma atitude, não fique reclamando pelos corredores que a empresa é isto ou aquilo. Simplesmente analise o ambiente e busque mudanças na própria corporação. Se não tiver, olhe o mercado. Peça a conta, agradeça pelo tempo e oportunidade e deixe a “porta aberta”. Não sabemos nunca o dia de amanhã e/ou com quem cruzaremos novamente em nossa vida corporativa!


Foi demitido? Sentiu que foi injustiçado? Pare, respire. Vire a página!

Falar mal da empresa e/ou de seus chefes e colegas não vai mudar em nada a decisão da empresa. Então use sua inteligência e olhe dentro de você observando o que poderia ter feito ou conduzido de forma diferente. Portas abertas…


Acabou um relacionamento?


Vou lhe contar um segredo: isto acontece com 99,99% das pessoas, ou será que é para 100%? Faz parte! Não fique remoendo o negativo e sim as coisas boas que o relacionamento lhe trouxe. Não precisa virar inimiga mortal e que o próximo venha com muito amor, paixão e carinho.


Ok… a composição foi outra e foi você quem ganhou o presente… “o pé no traseiro”. Relaxa! Quem nunca???

Então, bola para frente e a própria palavra já diz “FIM”… THE END. Não pragueje contra o(a)“outro(a)”, não persiga, não fique tentando achar defeitos no próximo relacionamento dele e nem pense em infernizá-lo. A amizade é sempre a melhor política! Saia como entrou, lindo(a), leve e solta(o). A imagem que deve ficar é a melhor possível. Muitas coisas podem ter acontecido para que o “felizes para sempre juntos” não tenha sido possível. Então, que seja o “felizes para sempre, você consigo mesmo”. Não pertencemos a ninguém e ninguém pertence a nós. Sem obsessão, por favor. Portas abertas…



Uma amizade deixou de ser “amigável” (sim, isto existe também), respire, sacuda a poeira e relaxe!

Com certeza por algum motivo, que às vezes foge a nossa compreensão, essa pessoa teve que sair momentaneamente ou não de nossas vidas. Deixe, sim, seu coração e braços abertos… Quem sabe volta com força total? A vida não é imutável. Estamos sim em constantes mudanças e o mundo dá muitas voltas! Sem dramas ou cobranças.



Participa de algum grupo de igreja, esportivo, voluntariado? Deixou de fazer sentido por algum motivo estar lá?

Beleza. Hora de dar uma paradinha! Saia e quando sentir necessidade ou prioridade, volte. Reforce o “portas abertas”. Seja claro e tranquilo.


Parada para a reflexão: é claro e óbvio que vamos sofrer e ter sentimento de perda em muitas, senão todas, situações relatadas acima. É do ser humano. Mas a forma de tratar estes acontecimentos é que nos faz crescer e amadurecer diariamente.


Descomplique a vida. Sem dramalhão, por favor. Nem tudo precisa ser a ferro e fogo.

E #ficaadica: Use a elegância, a diplomacia, a educação e o amor-próprio como aliados e deixe as PORTAS ABERTAS, sempre. Elas são mais necessárias do que você imagina!

_____________

Direitos autorais da imagem de capa: aaabbbccc / 123RF Imagens


Somos um grande imã apontado para o universo, atraindo aquilo que irradiamos!

Artigo Anterior

Guirlanda de natal – descubra sua origem e significado:

Próximo artigo

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.