ColunistasComportamentoRelacionamentos

Se for pra chegar, chega devagar, posso não estar pronto…

devagar

Era uma vez um amor avassalador que rompeu barreiras, tirou fôlego, queimou, enlouqueceu, afastou, esfriou, acabou e fim.



Nada mais restou além de alguma saudade aqui, outra mágoa ali e muitas vezes nem um resquício sequer de amor próprio.

Relacionamentos que se acabam resultam naturalmente em algumas feridas e no medo de se relacionar de novo.

A forma como cada pessoa enfrenta uma relação, um envolvimento é muito pessoal sendo que a maioria delas saem ou já saíram feridas.


Então, este post é para você que já amou, se apaixonou, não deu certo, ficou machucado e depois de um tempo seu coração voltou a bater por alguém.

devagar

Ciscaram no seu terreiro, te seduziram, piscaram o olho ou te mandaram flores! O que for! Tem alguém novo na área e você se perguntando se está ou não pronto(a) para um novo relacionamento. E o que você diz é:

“SE FOR PRA CHEGAR, CHEGA DEVAGAR, POSSO NÃO ESTAR PRONTO.”


Se o medo de se envolver de novo é muito grande, é normal que você queira a aproximação do outro, porém, sem se entregar tanto de primeira. Nossos últimos casos de amor sempre deixam restos de algo que nem foi tão bom assim. O que fica depois do fim é sempre a sensação do que nos levou até esse ponto.

E você lá quer sofrer de novo?
Quer não, oras! Quem gosta de sofrer?

Mas daí deixar de viver um novo amor por esse medo é tolice! Você pode viver quantos amores quiser, afinal, tu tem um coração imenso, criatura, que bate o tempo todo louquinho por um novo sentimento! Então deixa bater! Deixa o outro chegar, mesmo que devagar.


Se estou pronto?
Nunca estaremos prontos, está aí uma verdade. Nunca!
Então, só nos resta ir, sem saber se vai doer, se vou chorar de novo ou se corro o risco de ver meu mundo se fazendo em pedaços novamente. Que seja! Viver já não é um risco? Se for pra correr algum, que eu corra todos os riscos e principalmente se ele for em nome do amor!

Tenha paciência, venha devagar. Venha tão devagar que eu só perceba sua presença quando já estiver alojado em mim!


Tomando um chá de autoestima!

Artigo Anterior

A maneira como você fecha a sua mão diz muito sobre a sua personalidade!

Próximo artigo

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.