Se você deseja parar de absorver energia negativa, pare de fazer essas 5 coisas!



A energia está sempre presente ao nosso redor, em pessoas, animais, cheiros, objetos… e todas as nossas comunicações envolvem diferentes formas de energia, por isso, muitas vezes, em nossas relações, absorvemos energias prejudiciais ao nosso bem-estar.

Precisamos ser cuidadosos em nossas interações, para que não absorvamos energias negativas de outras pessoas que ficam no caminho entre nossa realização e felicidade.

Abaixo estão 5 coisas que você precisa fazer para parar de absorver energia negativa:

1. Conectar-se com outras pessoas através de emoções tóxicas

Esse é um comportamento muito comum, mas que, muitas vezes, não percebemos. Por exemplo, quando alguém que amamos está passando por um momento difícil ou se sentindo triste ou inferior, tendemos a estar do seu lado para oferecer apoio, mas geralmente nos deixamos contagiar pelo estado de tristeza da outra pessoa. Ao fazermos isso, diminuímos nossa própria vibração e não ajudamos em nada.

Uma alternativa mais positiva é, ao invés de entrar na mesma vibração do que a outra pessoa, oferecer a ela uma perspectiva mais elevada, para que ela possa superar seu baixo astral. Dessa maneira, todos se ajudam. No entanto, é importante não desrespeitar a forma como a pessoa se sente, apenas ofereça-lhe um diferente ponto de vista.


2. Assumir responsabilidades que não cabem a você

Ajudar outras pessoas é uma atitude nobre e que nos faz bem. No entanto, isso não significa que você tem que assumir todas as responsabilidades da vida da outra pessoa e carregar suas bagagens. Você tem sua própria vida e próprias bagagens também.

Todos nós somos responsáveis por nossas próprias vidas e quando nos esforçamos para viver por outra pessoa, isso apenas nos faz mal. Esteja presente e incentive, mas defina limites claros e saudáveis, para que siga seu caminho com tranquilidade e positividade.


3. Oferecer simpatia ao invés de compaixão

Quanto oferecemos simpatia a outra pessoa, apenas mostramos que sentimos pena dela, de sua situação atual, mas realmente não fazemos nada para ajudá-la a encontrar melhores caminhos. No entanto, quando mostramos compaixão, capacitamos essa pessoa, mostramos que enxergamos além do superficial e que reconhecemos que são fortes e capazes de superar as próprias dificuldades para viverem vidas incríveis.




4. Achar que sabe mais do que todo mundo

Nós tendemos a dar conselhos para outras pessoas como se soubéssemos exatamente o que estão vivendo e o que pode levá-las a vidas melhores. Muitas vezes, até as forçamos a nos ouvir, mas nem sempre temos sucesso.

A verdade é que nem sempre nossos conselhos resolvem tudo, mesmo que sejam pedidos, porque nunca sabemos a total realidade da vida da outra pessoa. Ofereça conselhos e perspectivas mas permita que as pessoas sigam seus próprios caminhos.


5. Tentar agradar a todo mundo

Adotar a prática de dizer mais “não” às pessoas, para dizer mais “sim” a si mesmo não é tão fácil assim, mas é necessário, principalmente quando você é um empata e sabe o quanto é difícil manter sua energia equilibrada. Em alguns momentos, você realmente precisa se colocar em primeiro lugar, para que esteja verdadeiramente preparado para cuidar de outras pessoas.

_____________

Direitos autorais: sifotography / 123RF Banco de Imagens






Deixe seu comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.