AmorRelacionamentos

Se você quer um grande amor, tem que ir atrás dele

se você quer um

A maioria de nós parece estar solteira.



Quando eu digo “a maioria de nós”, não me refiro à quantidade de população, embora também possa ser verdade.

Me refiro à maioria das pessoas que lamenta sobre o amor na Internet.

Falamos sobre o namoro. Falamos sobre se importar. Falamos sobre como definir as coisas e estabelecer limites. Falamos muito sobre o que há de errado com o namoro.


Dizemos que ninguém realmente se importa mais. Ninguém se esforça. Não podemos sequer nos afastarmos de nossos celulares e realmente ficarmos com alguém no mundo real.

se-voce-quer-um

E eu entendo o desabafo. Nossa cultura de namoro está trágica.

Mas é hora de pararmos de culpar uns aos outros.


Porque a verdade é, nenhum de nós está realmente se esforçando para mudar as coisas.

Nós todos queremos um grande amor. Queremos o fogo, o romance, as faíscas e a paixão sem fim. Queremos que a pessoa com quem estamos nos desafie e apoie. Que nunca pare de tentar.

E, no entanto, nenhum de nós está disposto a ser essa pessoa.

Nós nos preocupamos tanto em protegermos os nossos egos que esquecemos o que significa amar livremente. Ou até mesmo deixar-se sentir.


Porque a verdade é, o tipo de amor pelo qual estamos sofrendo não é o tipo que segue as regras.

Não é do tipo que só encontra você, se você usar o emoji certo e usa a roupa perfeita no primeiro encontro. Não é o tipo de amor que se importa se você ri muito alto, responde as mensagens rapidamente ou dormir com ele antes do terceiro dia.

É o tipo de amor que realmente envolve você.

O tipo que te atinge. Que existe fora de telas de celular e julgamentos.


Nós todos queremos o amor certo. O amor dos filmes de comédia romântica. O tipo que é risco zero, alta recompensa e não requer qualquer aposta. Queremos que a outra pessoa nos encante e cative, que nos faça fazer loucuras por ela.

Mas não vamos fazer essas coisas por ninguém.

Não vamos nos expor, ser vulneráveis e persistente e, possivelmente, um pouco envergonhados. Nós não vamos mostrar nossos sentimentos sem uma garantia de reciprocidade.

Porque a verdade é que as pessoas se apaixonam pela honestidade. Elas se apaixonam pela paixão. Se apaixonam por pessoas que sabem o que querem, porque o seu ego não está ameaçado por uma única decepção ou rejeição.


Talvez aquele cara por quem você manteve um sentimento escondido não considerou a possibilidade de você e ele juntos – mas teria considerado se você tivesse manifestado interesse. Talvez haja um número ilimitado de pessoas por aí que ficariam felizes em se apaixonarem por você, se você fizesse o primeiro movimento.

Mas primeiro você tem que realmente tentar.

Primeiro você tem que colocar o seu orgulho de lado, juntar a sua coragem e ser a pessoa que coloca o seu coração na frente. Você tem que ser aquele que se importa. Aquele que com quem você espera se encontrar.

Porque a verdade é, se você quer um amor grande, apaixonado, vai ter que ir atrás dele. Você vai ter que lutar por ele. Vai ter que estar disposto a se expor de uma forma que pode, ocasionalmente, te magoar.


Mas se você não estiver disposto a se arriscar pelo amor, nunca vai encontrar uma pessoa que esteja disposta a fazê-lo.

E, francamente, se você não está disposto a praticar o grande amor pelo qual também está esperando – então talvez você não mereça encontrá-lo.

___

Traduzido pela equipe de O SegredoFonte: Thought Catalog


Se você está passando por uma separação, isto é para você …

Artigo Anterior

A verdadeira aventura começa quando aceitamos dar o primeiro passo e mudamos de atitude!

Próximo artigo

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.