Se você vive insatisfeito com a sua vida, pare tudo e leia isto!



Não podemos controlar o tempo, as atitudes das pessoas, algumas circunstâncias que nos sucedem, nem podemos fazer com que as coisas saiam do jeito que queremos.

Vivemos angustiados ou frustrados porque temos a petulância de achar que as coisas devem estar sob o nosso controle.

Imagine um barco em alto mar, o piloto é você em essência, o barco é seu corpo, o que cabe a você é traçar uma rota e preparar o barco para o percurso.  Cabe a você também checar se o barco está em perfeitas condições, para que possa chegar ao destino e se planejar para o que quer que ocorra durante o percurso. Isso se chama autorresponsabilidade.

Se o mar está calmo ou revolto, se os ventos estão ou não ao seu favor, já não está sob seu controle, mas você pode prever e se preparar para passar por essas fases da vida.

E ao invés de lutar contra, você deve aceitar a realidade como está se apresentando e ajustar as coisas para superar os desafios da jornada.

Se você não conhecer bem o seu barco, ou seja, o seu potencial, suas falhas, suas capacidades, suas habilidades, poderá ter surpresas desagradáveis e ficar à deriva, esperando até que um milagre aconteça!

Portanto, o que cabe a nós é o autogerenciamento, o equilíbrio emocional e não tentarmos controlar as circunstâncias. Ao invés disso, faça um exercício simples:

“Numa folha em branco, separe duas colunas, escrevendo o que cabe a você controlar e o que não é de sua responsabilidade.

Depois você pode ler a coluna do que não lhe cabe controlar e, ao invés de sentir impotência, você pode designar ao Universo, ao mar de Infinitas Possibilidades.

Desta forma, a tranquilidade virá sobre a sua mente, porque você terá transferido uma angústia da mente pequena para a Grande Mente, ao qual tudo é possível.



Além disso, tente imaginar como se essas responsabilidades, que você designou para o Universo, já estivessem vindo ao seu encontro. Sorria e agradeça!”

Tenho certeza de que será uma experiência incrível!

 Mas lembre-se de fazer a sua parte, ou ficará a ver navios!


Direitos autorais da imagem de capa licenciada para o site O Segredo: glaudilab/123RF Imagens.






Deixe seu comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.