publicidade

Seja forte, mas chore, se precisar…

Seja forte, meu amigo. Mas chore, se precisar. Depois levante e comece tudo de novo.

Sobre ser você…  – Sobre ter pessoas ao seu redor e saber o quanto elas podem te fazer bem. Sobre sua vida virar de cabeça para baixo em minutos. Sobre recomeçar mesmo sem saber como. Sim, tem jeito.



A vida é essa caixinha de surpresas. Não adianta querer programar tudo. Uma hora as coisas não irão sair como você deseja  e a frustração chegará.

Não adianta planejar seu próximo relacionamento, os lugares que você quer ir com ele(a), o presente que você quer comprar, a surpresa que você irá fazer. Não adianta você programar sua próxima viagem e a hora que você quer chegar. Não adianta programar outra festa, outra reunião com amigos, outro encontro com familiares.

Não adianta você se antecipar a tudo isso, se você não viver o agora. Se você não está  presente no aqui. Se você não está completo no seu momento de solitude. Por isso, eu posso te dizer, a partir das experiências vividas e com gratidão: ame os que estão com você agora, mas ame de verdade; reconheça-os agora. Não sofra antecipadamente. Isso não contribui com a sua transformação e vivência do presente.


As pessoas não surgem do nada em sua vida; e, da mesma forma, elas não saem do nada.

Escute a voz da sua intuição. Escute o seu coração e os seus sentimentos. Tenha responsabilidade emocional com o outro; você também é responsável pelas alegrias, tristezas e realizações dele.

Se você ainda não entendeu muita coisa, não se preocupe. A vida é assim mesmo. Cada um entende conforme o momento que vive; e cada um vive conforme o que entende.


Na infância fomos acostumados com nossos pais cuidando de nossas tristezas e carregando nossas dores. Só que eles se esqueceram de nos avisar que quando somos adultos, a única pessoa que pode fazer isso somos nós mesmos.

Por isso eu te desejo força na caminhada, alegria nas dores, compaixão para com aqueles que estão ao seu redor e esperança de dias melhores.

Posso te contar um segredo? Todas as vezes que percebo que minhas forças estão zerando,  eu canto o refrão dessa música: “Ei dor, eu não te escuto mais. Você, não me leva a nada. Ei medo, eu não te escuto mais. Você, não me leva a nada…”

Seja forte, meu amigo. Mas chore, se precisar (você precisa respeita a si mesmo). Levante e comece tudo de novo. Eu fico aqui torcendo por você, da mesma forma que torço por mim, todos os dias quando me levanto.

__________

Direitos autorais da imagem de capa: friday / 123RF Imagens

Baixe o aplicativo do site O Segredo e acompanhe tudo de pertinho. Android ou IOS.

Texto escrito com exclusividade para o site O Segredo. É proibida a divulgação deste material em páginas comerciais, seja em forma de texto, vídeo ou imagem, mesmo com os devidos créditos.




Deixe seu comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.