ColunistasComportamento

Sejamos éticos e jamais céticos em relação à capacidade do ser humano

sejamos éticos

Sejamos éticos e jamais céticos em relação à capacidade do ser humano. Se cada um fizer sua parte, juntos faremos tudo. O resultado é sempre diferente e pode ser melhorado de acordo com cada ação.



Para mim, ética é a expressão da consciência. Como e por onde anda a sua? Exercendo sua cidadania, educação e bons costumes?

Nas definições oficiais, ética é o estudo (em filosofia) dos valores morais que norteiam as condutas numa sociedade. Ética é agir baseando-se no instinto daquilo que poderá ser benéfico a uma ou várias pessoas ou pelo menos que não seja prejudicial. É ter educação, noção de coletividade, higiene e uma grande dose de boa vontade, mas em algumas situações a ética não deve ser permitida porque se transforma em permissiva, abusada, debochada.

Vou citar um exemplo: ética profissional. Você procura um advogado e relata que um outro advogado agiu de forma errônea com você, chegando a prejudicá-lo. Então, esse atual advogado que você pensa em contratar, guiado por uma falsa desculpa de dever moral com seu colega de profissão, mascara a realidade e diz que o outro advogado agiu certo, que nem teve intenção de lhe causar qualquer dano, mesmo sabendo que o nobre colega tenha errado.


Isso não é ética, é desprezo pelo cliente, pelo ser humano que está, ali, à sua frente, precisando de esclarecimentos e de alguém que interfira para o benefício dele numa causa judicial. Isso não é ser profissional, é ser indiferente com quem necessita de você.

Muitos esquecem da ética quando participam do jogo do poder, cujos dados são lançados pela ambição desenfreada.

Ética está ligada ao caráter, a vontade de colaborar para um bem comum, a não puxar o tapete de ninguém e sim colaborar para a ascensão de um ou muitos.

É contribuir para a limpeza, organização e manutenção de bens para todos, incluindo a natureza.


Falta ética nas relações amorosas onde privacidades são invadidas, liberdades cerceadas, obrigações impostas com a desculpa do ” eu amo você, eu lhe dou vantagens, então tenho o direito também de exigir”. Não tem. Ninguém tem o direito de lhe faltar com o respeito, de sufocar sua personalidade ou roubar sua alma.

Falta ética quando alguém fala mal do chefe ou do colega, falta ética quando o outro se entrega em confiança e você engana, mente, trai, na maioria das vezes, por motivos egoístas.

A vontade de ser útil é forte indicador de que a elevação moral está presente, mas, infelizmente, as estatísticas indicam que quase metade de todo o setor empresarial não possui programa baseado em ética em relação a empregados, estagiários e todo o quadro corporativo.

Em nosso cotidiano temos  oportunidades inúmeras de contribuir para um mundo melhor com simples, mas importantes gestos que nada custam e recompensam na medida em que sentimos o lucro imenso que isso nos traz, a paz de quem faz o seu melhor e tem a consciência tranquila, sabendo que se dedica e que dignifica toda a existência, seja através da família, círculo social ou tranquilidade emocional, exercendo sua individualidade mas em comunhão com os outros e não concordando em viver como uma marionete do destino ou ao bel prazer de pessoas egoístas, autoritárias e perigosas, na medida em que carecem de falta de respeito com um ou muitos.


Ética no trânsito? Está em falta. Na conduta de pessoas públicas, mais ainda, no entanto, eu espero que a sua e a minha estejam atuantes, que não fiquemos distantes ou alheios ao mundo que nos cerca com a desculpa do tanto faz porque o resultado será o mesmo.

O resultado é sempre diferente e pode ser melhorado de acordo com cada ação.

Eu procuro me manter alerta e me questiono sempre. Nada é complicado, desde que você tenha boa vontade e disponibilidade para ouvir e  analisar antes de julgar, um belo sorriso para transmitir simpatia e brilho no olhar para ser solidário ou ajudar esse nosso mundo que aos nossos olhos cansados de tanta apatia e  desfocados por tanta hipocrisia, está imperfeito, mas que ainda tem jeito e sempre terá, para quem faz questão de exercer seu direito a plenitude e a felicidade de quem sabe que o segredo da existência é que somos a causa, o meio e a consequência e que só o amor é real, só atitudes amorosas podem extirpar toda ilusão do mal que prejudica e muito nossos momentos e nossas vidas.

Sejamos éticos e jamais céticos em relação a capacidade do ser humano. Se cada um fizer sua parte, juntos faremos tudo.  Pense nisso.



Direitos autorais da imagem de capa licenciada para o site O Segredo: wavebreakmediamicro / 123RF Imagens


Jamais prometa o que não pode cumprir!

Artigo Anterior

Não queira ser consolado por quem te machucou

Próximo artigo

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.