6min. de leitura

Senta aqui ao meu lado, precisamos falar sobre depressão. Como você se sente hoje?

Sabe, eu sei como você talvez se sinta. Sei o quanto o mundo parece querer lhe engolir. Sei como parece que não existe mais nenhum caminho, que você não tem forças para mais nada e que você já não se importa com mais nada.


E sei o quanto não vai adiantar eu lhe falar que a vida é linda! Não, eu sei que não é isso o que você precisa ouvir agora.

Vem cá, fale tudo ou só escute. O que você está pensando?

Eu não sou, definitivamente, a melhor pessoa a lhe orientar nesse momento e nem sou a profissional que vai lhe ajudar como deve ser. Mas eu tenho sensibilidade para entender a sua dor e lhe acolher como você precisa.

Não é frescura sua, eu sei. Também sei que você não está só querendo chamar a atenção, porque, como eu disse, você já não se importa com mais nada. Perguntar a você se tudo isso vale a pena é subestimar todas as suas razões para se sentir assim, então, não vou duvidar de você.


Mas eu quero lembrar-lhe de algumas coisas.

Muitas vezes, a vida é um saco mesmo! Mas também há pessoas boas nesse mundo. Também há beleza em um pôr-do-sol, no bando de pássaros que sobrevoa o mar, nas flores do jardim da sua casa ou da calçada lá fora.

Também há beleza no coração daqueles que ajudam as crianças que nunca tiveram a oportunidade de conhecer seus pais ou no coração daqueles que lutam pela felicidade de outras pessoas. É, essas pessoas existem e estão por aí!


Quero te lembrar que, pelo menos, uma pessoa nesse mundo, seja ela quem for, ama você! E se preocupa com você, e sente saudade de você. E sentiria sua falta se algo lhe acontecesse. Ah, vamos, vai! Pensa com carinho, há sim alguém que te ame.

Também quero lembrar-lhe que dificuldades vêm para acabar com a nossa paciência mesmo, essa é a única função dela. Tirar nosso sossego. Mas você pode dividir o seu problema em pedacinhos e ir vencendo cada um deles! Não precisa ser tudo de uma vez. Não precisa se cobrar tanto. Não há fracasso que vença a persistência.

Quero te lembrar que, mesmo cansado, você ainda está aí e basta dar UM simples e único passo para começar a movimentar sua vida, para tudo de bom que você quer. Aliás, quero lembrá-lo de que você merece o melhor, viu?! Sim, você merece ser feliz, merece ter tudo de melhor.

Como você está se sentindo agora?

Eu sei que muita coisa parece não ter sentido, que tudo anda meio confuso e que parece não existir luz no fim do túnel. Mas, tente, pelo menos por um momento pensar: “Sai pra lá tudo isso, essas coisinhas não são dignas da minha atenção.”

Quero lembrar-lhe de que você tem a chance de transformar a sua vida, tem a chance de recomeçar, tem a chance de fazer diferente agora. Você tentou várias vezes, não é mesmo? Só que agora eu acredito em você, no fundo, beeeeeeeem lá no fundo, existe uma faisquinha de desejo pela felicidade! Vamos, assopre, dê força a essa faísca. Eu acredito que ela incendiará seu coração a ponto de lhe trazer um pouco de alegria agora mesmo!

Eu poderia contar-lhe uma piada para fazê-lo rir, mas eu não sei contar piadas. Mas eu gostaria de ver um sorriso seu. Consegue abrir um sorriso? Mesmo pequenininho?

Dizem que quando forçamos os músculos do sorriso a nossa energia vai mudando. É o que dizem…

Eu não estou aqui para desafiar você, ou lhe dizer que você tem que ser feliz, ou que você é mais do que acredita ser. Não, não mesmo. Como eu já falei, eu acredito em todas as suas razões para se sentir assim.

Se eu me importo com você? É… pode ser que sim. Por que? Porque eu entendo muito, mas muito bem a sua dor. E no momento em que eu mais precisei, eu tive alguém para me ajudar. E ali, naquele momento, era tudo o que eu precisava. Então, sim, eu me importo com você. E você merece receber ajuda.

Não é fácil falar, porque muitas vezes nem você se entende. Mas é importante que você busque ajuda. Eu sei o quanto é difícil sozinho! Mas busque a ajuda certa, muita gente vai achar que é exagero seu, e não é! Você é capaz sim de sair dessa.

Não desista agora, tá bom?!  Aguenta, só mais um pouquinho! E mais um pouquinho… E de novo… E vai seguindo, passo por passo. Você consegue acabar com esse monstro feio que não te merece!

Eu sei que não é o momento de falar sobre isso, mas existe uma palavra poderosa chamada GRATIDÃO. E olha, esse sentimento faz milagres… Quem sabe, você se interessa por saber mais…

____________

Direitos autorais da imagem de capa: lightpoet / 123RF Imagens





Deixe seu comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.