Só é feliz quem olha para o lado de dentro e sente-se em paz

A felicidade não está desse lado de fora, ela apenas acontece dentro de nós. Tem a ver com nossos sentimentos em relação a tudo que temos e não no valor social ou material que as coisas possuem.

Muita gente acredita que será feliz quando alcançar a posição profissional tão desejada, comprar a casa dos seus sonhos, ter o corpo perfeito ou casar com uma pessoa incrível. Mas enganam-se deliberadamente porque a felicidade não está em um emprego que todos desejam ter, mas que nos corrompe, em uma mansão enorme que não consegue habitar um lar, nas curvas perfeitas de uma vida vazia ou no relacionamento com a pessoa ideal por quem não sentimos nada e mal respeitamos.

Não. A felicidade não está desse lado de fora, ela apenas acontece dentro de nós. Tem a ver com nossos sentimentos em relação a tudo que temos e não no valor social ou material que as coisas possuem.

Ninguém é feliz com uma alma incompleta, irrequieta, que não consegue ser plena e ficar em paz. Por isso de nada adianta tantas conquistas se dentro de nós existe uma revolução incessante que nos tira o sono, a calma e nos faz duvidar o tempo todo da nossa capacidade, apesar de exibirmos sorrisos em meio a tantas conquistas externas.

Ser feliz é vencer os próprios medos, aqueles que impedem uma pessoa de ser autêntica, de correr atrás do que realmente preenche as lacunas do seu coração. É ter coragem de resgatar antigos sonhos, pedir perdão e perdoar também.

Ser feliz é alcançar o dom da paciência com as pessoas que mais causam distúrbios em nossas vidas, é compreender o outro mesmo que não concorde. É enfrentar os momentos mais difíceis com tranquilidade, equilíbrio emocional e muita maturidade.

Ser feliz é ter a capacidade de levantar de cada tombo que levamos na vida, de cada rasteira que o destino ou alguém nos dá e, ainda assim, sacudir a poeira e dar a volta por cima. É recomeçar sem desistir de tentar.

Ser feliz é ter empatia. Ficar admirado com o sucesso das pessoas e estender a mão para quem necessita. Porque não há quem seja feliz sem saber fazer o outro feliz. Compaixão e altruísmo pertencem os espíritos que estão em paz, pois ninguém pode ser pleno carregando uma alma em guerra com a vida.

Ser feliz é enfrentar os próprios defeitos diariamente. É lutar para tornar-se uma pessoa melhor constantemente. E também cuidar de si mesmo, porque quem se faz mal, jamais será feliz, quando evoluir é o único sentido da vida.

Ser feliz é amar sem orgulho, sem vergonha de mostrar um sentimento tão nobre. E mais do que isso, é permitir-se ser amado. Porque o amor que enaltece o coração é o recíproco.

Felicidade não é olhar para o que temos em nossa vida e ficar satisfeito, mas sentir-se bem olhando para dentro. É fechar os olhos e ficar em paz. É como uma tempestade que se transforma em arco-íris, ter a capacidade de transformar a nossa lágrima em um largo e sincero sorriso, porque a verdadeira felicidade não é material, é um sentimento que carregamos no peito.

Por isso, nunca se esqueça que ser feliz não significa ter uma vida perfeita, mas decidir olhar com ternura para além das imperfeições. Esse, sim, é o maior sucesso que você pode ter na vida!


Direitos autorais da imagem de capa: Christian Bowen on Unsplash.



Deixe seu comentário