4min. de leitura

Sobre aquilo que você ama, quanto tempo levaria para você citar o seu nome?

Quantas vezes você se escondeu, tapou suas questões emocionais em religião, pessoas, lugares e coisas?


Se fosse para listar tudo aquilo que você ama,quanto tempo você levaria para citar o seu nome?

Leve-se em consideração e permita-se compreender as motivações do seus sentimentos.
Afinal, eles são seus, frutos de seus pensamentos frutos do seus aspectos subjetivos.

Aquilo que aborrece uma pessoa, para outra pode não fazer a diferença. Para um, uma palavra pode virar gatilho emocional para a carência e rejeição, quanto para outro é possível passar despercebido.

Cada um tem uma forma de ver o mundo. Uma programação de alma. A sua é única, por isso, autoanalise-se, entenda-se. A sua vida vale muito, dê atenção ao que se passa em você. Seus pensamentos podem ficar como cavalos em fuga, e você sem total controle sobre eles.


Você fala o que sente ou repete padrões? Você se atende em situações de conflito ou joga para baixo do tapete e finge que nada disso é seu? 

Não dá para fugir da própria sombra, mas é possível acender a lâmpada do entendimento, iluminar os aspectos obscuros e assim promover a cura.

Usar máscaras e fugir das responsabilidades, parte do ego que tem necessidade de ser amado, aceito. Tem medo de julgamentos, de olhares. Mas sabe, vou lhe dizer uma coisa que pode aliviar sua tensão: estão todos lidando com seus egos! Todos estão em seus processos de entendimento, cura e ninguém está perfeito! As imperfeições são essenciais para nossa descoberta e experiência terrena e de expansão!

Não use máscaras, você não precisa mais delas! Você pode ser você de verdade, ser quem você é, sem medo! Apenas, seja! Está tudo bem!


Observe quando é seu ego que quer mandar, quando são dele as manifestações que não o permitem apenas ser!

A lei do mínimo esforço traz mais felicidade pois é baseada na aceitação, e essa é ação que vem do coração. O Silêncio interno é chave para o coração se manifestar.

Exigir algo que deveria ser espontâneo, por exemplo, é manipulação do ego. E se você precisa exigir é porque também não é natural. E se não vem de forma solta e feliz é porque há algo errado.

Não há nada que o possa aprisionar mais que seus próprios pensamentos, nada limita mais que os medos e nada controla mais que as crenças.

Mude os padrões. Reveja, repense, sinta e não se lamente. Não há vítimas! Há vivência, experiência e entendimentos. Conheça a si mesmo com amor.


Direitos autorais da imagem de capa: Timothy Dykes / Unsplash





Deixe seu comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.