Comportamento

Solteira há quase 8 anos, Maytê Piragibe não cede à pressão do casamento: “Prefiro minha liberdade”

Aos 37 anos, a atriz mostra ser realizada consigo mesma, sem um companheiro ao lado. Confira!



Por muitos anos, os relacionamentos românticos foram vistos como essenciais na vida das mulheres, e lhes atribuíam valor, sendo ainda mais prezados do que as próprias jornadas de evolução pessoal.

No entanto, na sociedade atual, mulheres de todas as idades estão se sentindo muito mais livres, conforme têm descoberto que são capazes de ser felizes e bem-sucedidas sozinhas, conquistando o sucesso e a realização por mérito próprio e sem a necessidade de ter outra pessoa ao lado.

Podemos encontrar essas mulheres em todos os lugares. Podem ser nossas mães, amigas, colegas de trabalho ou até mesmo mulheres da mídia, que influenciam milhões de pessoas todos os dias.


No mundo das famosas, temos alguns exemplos disso, como a atriz Rita Guedes, que mesmo sem relacionamentos e sem filhos aos 49 anos, afirmou sentir-se feliz consigo mesma. Outra famosa que quebra o padrão antigo dos relacionamentos é a também atriz Maytê Piragibe.

Direitos autorais: reprodução Instagram/@maytepiragibe.

Segundo contado em entrevista à jornalista Patrícia Kogut, no ano passado, a atriz de 37 anos revelou que está solteira desde 2013, quando se separou de Marlos Cruz, assumindo o papel de mãe solo de Violeta, atualmente com 11 anos.

Piragibe contou que só conseguiu se tornar independente de fato quando se libertou da pressão “cultural, moral e religiosa”, que faz com que muitas mulheres pensem que, para ser felizes ou ter uma família, precisam de um homem ao seu lado.


A atriz disse que nunca mais namorou após o fim do casamento porque não encontrou o parceiro ideal e que não experimentou a “troca” e “comprometimento de ambas as partes” que deseja. A solteirice, embora incomode muitas mulheres a ponto de fazer com que se acostumem a relacionamentos que não as fazem felizes, não parece afetar negativamente a vida de Maytê, que prefere se dedicar a projetos pessoais.

A atriz contou que não vive hipocrisias, por isso prefere a sua liberdade. Ela ainda acrescentou que não acredita que precise da validação de homens ou de compromissos para ter autonomia, prazer pessoal, independência financeira e realização.

O posicionamento de Maytê representa o mesmo de muitas mulheres de todas as idades nos tempos atuais, que têm encontrado a sua felicidade nas áreas mais diversas da vida, e sem a necessidade de viver um relacionamento romântico.


Sem dinheiro para pagar documento, idoso oferece 3 maços de coentro, e é atendido gratuitamente

Artigo Anterior

Mãe que vende água na BR sobrevive a atropelamento e volta a trabalhar para criar filha de 10 anos

Próximo artigo

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.