Comportamento

“Sou hétero, mas ele era lindo”: Brian Cox falou sobre trabalhar com Brad Pitt em Tróia

Direitos autorais: Divulgação / Warner Bross
capa sou hetero mas ele era lindo Brian Cox falou sobre trabalhar com Brad Pitt em Troia

O ator deu uma declaração cômica em entrevista recente sobre como se sentiu ao ver Pitt com um figurino diferente do usual.

Quando se trata de cinema, todos temos nossas musas e galãs preferidos. Esses atores e atrizes marcam a nossa vida não apenas pela sua beleza física, mas também pelos papéis memoráveis, dando vida a personagens com os quais nos identificamos e que nos proporcionaram muito aprendizado.

Cada geração tem seus ídolos, mas existem alguns que fazem sucesso desde o começo até o fim da carreira, porque cativam o público e seus colegas de trabalho.

Um dos atores que sempre está na boca dos fãs por seu talento e beleza é Brad Pitt. O ator de 58 anos coleciona diversos prêmios, entre eles um “Oscar” e dois “Globos de Ouro”. Sua carreira é marcada por diversos papéis icônicos, como Tyler Durden, em “Clube da luta” e Cliff Booth, em “Era uma vez… Hollywood”.

Além de seu talento nato para a atuação, Brad Pitt coleciona a admiração das pessoas por sua beleza que continua a se destacar nos dias de hoje. Por mais que o ator já tenha deixado várias mulheres de boca aberta ao longo de sua carreira, aparentemente não são apenas elas que se impressionam com seu físico.

Recentemente, um de seus companheiros de trabalho deu uma declaração inusitada e cômica sobre o tempo em que contracenaram em um trabalho. Brian Cox, outro grande ator, falou sobre como se impressionou com Brad Pitt ao vê-lo nas gravações do filme “Troia”, de 2004.

Na trama de Wolfgang Petersen, que conta a história da batalha entre os reinos antigos de Tróia e Esparta, Brad Pitt fez o papel de Aquiles, enquanto Cox interpretou Agamemnon, e ao que parece, o galã chamou a atenção do colega por algo muito além de seu talento.

2sou hetero mas ele era lindo Brian Cox falou sobre trabalhar com Brad Pitt em Troia

Direitos autorais: Divulgação / Warner Bross

Falando à Vanity Fair sobre vários de seus papéis mais importantes, o ator escocês disse que, em certo momento das gravações, ficou de queixo caído ao ver Brad entrando no estúdio com os trajes medievais, que nunca havia usado.

Assumindo que é heterossexual, o ator disse que Brad estava “incrivelmente lindo” e que chegou a pensar: “Nossa, meu Deus! Esse cara é impressionante. Que chance alguém tem na tela contra esse homem lindo, lindo?”

O comentário de Cox tem sido compartilhado nas redes sociais e feito sucesso entre os fãs do filme e de Brad, que concordam que esse foi um papel de muito destaque para a beleza do ator, que conquistou o coração de muita gente interpretando o herói da História.

Ainda sobre “Tróia”, Cox confessou que o épico filme de guerra foi o único papel em sua carreira que ele realmente perseguiu. Explicou que sempre deixou as coisas simplesmente acontecerem, mas com o filme de 2004 foi diferente. Quando soube que o papel estava disponível e era algo em que ele se encaixava, chegou a se oferecer para voar até Londres (Inglaterra) e conhecer Wolfgang Petersen, acrescentando que o filme contou com grande elenco.

3sou hetero mas ele era lindo Brian Cox falou sobre trabalhar com Brad Pitt em Troia

Direitos autorais: Divulgação / Warner Bross

Todo o investimento em elenco aparentemente deu muito certo, porque o filme fez um enorme sucesso e conquista fãs até hoje, 18 anos depois do lançamento. Nos cinemas de todo o mundo, “Tróia” arrecadou quase US$ 500 milhões e chegou a ser indicado ao Oscar na categoria figurino.

Além de Cox e Pitt, a produção conta com nomes como Eric Bana, Orlando Bloom, Diane Kruger, Sean Bean, Brendan Gleeson, Peter O’Toole e Stephen Buttigieg.

0 %