ColunistasEspiritualidade

Sua vida é sua prática espiritual. Você não precisa de instituições

Sua vida é sua prática

Quando se tem uma vida espiritualizada, o conceito de uma visita semanal a um templo se torna ultrapassado. “Seu corpo é seu templo. Sua casa é seu templo. Sua vida é sua prática espiritual.” É isso que você precisa. É isso que o mundo precisa para melhorar.



Aqui uma pergunta frequente que recebo: “Não tem templos, não tem devotos, não tem guru na minha cidade, como faço?”.

Aqui vou tirar esta dúvida, explicando um ponto que considero fundamental nos dias de hoje, de como sua vida é sua prática espiritual.

Veja meu vídeo sobre este tema: 


A dúvida se baseia numa ideia que para avançar espiritualmente, precisamos de frequentar um local. É um resquício do conceito cristão (e muçulmano e judaico), que o foco da prática religiosa é frequentar a igreja toda semana. Um bom cristão (e muçulmano e judeu) é aquele que, ao menos uma vez por semana, “bate ponto” no seu local sagrado, prestando seus respeitos, fazendo suas doações e oferendas, e ouvindo o sermão.

Para mim isso condiz com uma prática religiosa, e não uma prática espiritual. A humanidade está agora pronta para evoluir para práticas espirituais universais e não ficar mais presa em dogmas e religiões.

Na prática espiritual, no caminho do yoga, o que importa é como vive sua vida. Existe um verdadeiro foco a ser atingido. Seus pensamentos, suas vibrações, a qualidade de suas ações A CADA INSTANTE é que realmente determinam se está sendo espiritual ou não. 

Neste caminho que pratico e ensino o que se tem a ganhar frequentando um espaço ou entrando em contato com o guru é conhecimento. Mas agora estamos na era da comunicação. O conhecimento voa pelo éter e chega instantaneamente em suas mãos através de vídeos, sites, mensagens e fotos, como este artigo está chegando em você.


Eu atuo como guru de milhares de pessoas que nunca tiveram na minha presença. E suas vidas são transformadas. Porque receberam o conhecimento necessário e, mais importante, aplicaram em suas vidas essas práticas do Caminho 3T.

As pessoas tiram suas dúvidas comigo pelo YouTube na seção dos comentários, por e-mail, Whats ou mensenger. Tudo isso de forma quase que instantânea.

As pessoas me perguntam: “Tem um local aqui na minha cidade?”. Imagine o rolo! Alguém vai me representar em outra cidade? Para que? Por que buscar uma pessoa que pode ou não estar qualificada, quando você pode ir direto na fonte, e ainda a custo zero e instantaneamente?

E aqui entra o ponto fundamental: esqueça essa ideia de “uma vez por semana”. Sua prática espiritual é todo dia, o dia todo. Você pode viver uma “vida espiritualizada” ou uma “vida com espiritualidade”.


Uma vida espiritualizada é usar cada momento da vida como oportunidade para avançar, para manter seu foco no aqui e agora, no seu dharma e em Deus.

Uma vida com espiritualidade é uma vida mundana onde, de tempos em tempo, quando o avião perde altitude ou outra coisa ruim acontece, você se lembra do espiritual.

O que queremos é uma vida espiritualizada. Isso sim é marcante. Isso, sim, transforma a qualidade de sua vida. Isso, sim, traz resultados reais.

Aquele velho conceito de “ter uma religião” e cumprir uns rituais, visitar a Igreja ou templo uma vez por semana, dar seu dízimo… sabemos que isso não funciona muito. É melhor do que nada, mas ainda é muito pouco. Os males da vida material vencem. A frustração, medo e ansiedade dominam.


Quando se tem uma vida espiritualizada, o conceito de uma visita semanal a um templo se torna ultrapassado.

“Seu corpo é seu templo. Sua casa é seu templo. Sua vida é sua prática espiritual.” É isso que você precisa. É isso que o mundo precisa para melhorar. 

Seu amigo,

Giridhari Das



Direitos autorais da imagem de capa licenciada para o site O Segredo: noblige / 123RF Imagens


A sabedoria das frases de chico xavier e seus guias espirituais

Artigo Anterior

8 filmes românticos para chorar

Próximo artigo

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.