Sumido(a), eu? quem me quisesse, de fato, por perto, saberia onde me encontrar!

3min. de leitura

Da próxima vez que ouvir que você sumiu, suma de verdade!



Nesse mesmo telefone em que chega a mensagem dizendo que você sumiu… encontrar-te-ia quem quisesse tê-lo(a) por perto.

Sabe aquela pessoa que começa a conversa dizendo que você sumiu, quando, na verdade, quem desapareceu foi ela?

CONVERSA:

Parte I

-Oi, Sumido(a)!


Parece clichê. E é !

A conversa começa assim e, antes que continue, eu queria te lembrar que você sempre esteve aí e, na verdade, quem sumiu foi quem te escreve.


Parte II

Inevitavelmente, esse tipo de conversa segue com mais frases ensaiadas, do tipo “eu ando sem tempo” e outros assuntos banais. Em seguida rola um “e você, o que tem feito de bom?”,  pergunta também dispensável, porque a sua timeline está repleta de fotos das coisas que você tem feito e por onde tem andando.


Parte III

A conversa prossegue nesse ritmo e acaba num “quando vamos nos ver?”



E é aí que vem a Parte IV :

A essa altura pode estar rolando uma animação pelo reencontro e/ou a certeza de que depois de terem se reencontrado, um  novo abismo abrir-se-á até o próximo  “tá sumido(a)”.


Se você não mudou de telefone/endereço/rede social, tudo ao mesmo tempo, você sumiu de onde?

Você está à disposição de pessoas que se aproximam quando convém e que fingem que você não existe no dia seguinte?

Convenhamos que ninguém que se proponha a encontrá-lo(a) está assinando um contrato de permanência ou assiduidade. Mas, ainda assim, essa pessoa não é um desconhecido que, eventualmente, não possa interessar em saber como você está. Afinal, se ele(a) quer revê-lo(a), você é no mínimo uma pessoa agradável  e merece ser tratada como tal.

Desconheço quem deseje encontrar pessoas com quem não gostariam de estar.

E não importa se o encontro é entre amigos, ficantes ou qualquer outro tipo de relação. Não perca seu tempo com gente conveniente que se aproxima quando precisa da sua companhia ou, possivelmente, de algum favor  e não faz nenhuma questão de te oferecer reciprocidade.

Guarde a sua energia para quem o(a) quer por perto. Pessoas e sentimentos não são objetos descartáveis. Valorize-se!

Da próxima vez que ouvir que você sumiu, suma de verdade!

Namastê. Cristina Hare.

_____________

Direitos autorais da imagem de capa: william87 / 123RF Imagens

Baixe o aplicativo do site O Segredo e acompanhe tudo de pertinho. Android ou IOS.

* Matéria atualizada em 30/05/2017 às 18:56






Deixe seu comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.