AmorRelacionamentos

Talvez eu tenha perdido você, mas encontrei a mim mesma (e estou muito melhor)

talvez eu tenha

Você é o que “você” que todos conhecem. O “você”que me faz sentir as borboletas que todos sentem, mas que parecem sempre únicas. O “você”, que tinha o poder de me levantar tão facilmente quanto podia me derrubar. O “você” com quem eu fiz planos que nunca tinha feito com ninguém antes. O “você” que eu acreditava honestamente que seria para sempre. O “você” que eu jurei nunca perder.



Era o meu maior medo. Eu costumava acordar de manhã e pensar em como tinha sorte de ter você. Então, comecei a acordar com medo de que seria o dia em que você diria adeus. Houve uma época em que meus pés não podiam se mover rápido o suficiente para encontrá-lo. Então, antes que eu percebesse, eles estavam se movendo rápido para tentarem chegar até você. Eu sabia que você estava se esvaindo. Não é um sentimento que eu posso explicar completamente. A alegria em seus olhos viraram cansaço. Suas histórias foram ficando mais curtas. As noites foram esquecidas. O café-da manhã foi esquecido.

talvez eu tenha

Eu deveria ter me afastado. Deveria ter percebido. Mas você era “você”. Como eu poderia deixar isso ir? Então, ao invés disso, eu usei toda a minha energia para tentar mantê-lo. Eu passei meus dias pensando sobre o que você gosta. Eu estava tão focado em ser sua “você” que me perdi.


Eu.

Quem era aquela?

Eu costumava andar com os pés descalços na grama e relaxar. Eu costumava dizer o que estava em minha mente. De repente eu estava questionando meus pensamentos. Eu não tinha mais tempo para os meus amigos. Eu não tinha tempo para ler ou pintar. Meu sorriso costumava sempre alcançar meus olhos. Logo, ele tornou-se forçado. Eu estava tão cansada, mas não tinha energia para dormir.

Minha prioridade foi manter um cara que não queria ser mantido.


E no final, eu perdi você de qualquer maneira. “Você”, sem o qual eu achei que não poderia viver.

Eu acreditei uma vez que essa era a grande tragédia da nossa história. Eu não poderia obrigá-lo a ficar. Eu falhei.

Mas isso não é a grande tragédia, não é? Porque eu continuei vivendo. O sol nasceu e eu segui meus dias sem você. A diferença era que eu não me reconhecia. Eu não conhecia mais a minha própria companhia. Eu definitivamente senti sua falta.

Eu me perdi mais.


talvez eu tenha2

Levou um longo tempo para me encontrar. Eu encontrei pedaços meus nos menores recantos do mundo. O riso dos meus amigos, as cidades que finalmente conheci, as unhas recém-pintadas, e os livros que vieram no momento certo. Eu me encontrei nos dias com a brisa perfeita e as noites de tempestades, escondidas nas dobras do meu cobertor.

Acima de tudo, eu me encontrei nas palavras. As palavras que eu temia escrever. As palavras que fariam tudo verdade. Agora eu posso dizê-las. Eu posso escrevê-las.

O capítulo mais triste não foi perder você, afinal, foi acabar me perdendo.


Eu nunca vou ter você de volta, mas eu me encontrei.

E nenhum outro fim poderia ser mais feliz.

___

Traduzido pela equipe de O SegredoFonte: Thought Catalog


Nova pesquisa diz que beber vinho antes de dormir faz você perder peso

Artigo Anterior

Você já viu alguém com este tipo de piercing? aqui está o seu significado

Próximo artigo

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.