publicidade

Talvez a vida não esteja caminhando no seu tempo, mas está caminhando no tempo de Deus…

Talvez a vida não esteja caminhando no seu tempo, mas está caminhando no tempo de Deus (e isso é muito melhor)!

Não consigo pensar em um momento em que minha vida acabou exatamente do jeito que eu imaginava. Eu visualizei muitas coisas que, eventualmente, manifestaram-se em minha vida, mas nunca deram certo quando eu queria, ou exatamente como eu queria que fossem. E por mais tempo, não consegui entender esse truque do destino, porque as coisas acontecem quando querem, e não quando eu quero. Em outras palavras, por que Deus e eu não podemos estar na mesma página?



Eu continuo pensando nas coisas que tenho agora, o trabalho que tenho com o qual sonhei desde os quinze anos, o apartamento que conquistei, ser livre e independente depois de anos de dificuldades – todas aquelas coisas pelas quais eu trabalhava, proativamente, e pelas quais orei por toda minha vida, mas só aconteceram nos últimos dois anos, o que as torna tão especiais, o que as torna tão valiosas, o que me faz querer protegê-las e trabalhar dia e noite para mantê-las, porque levaram anos de paciência, trabalho árduo, ansiedade, depressão e colisões melodramáticas para alcançá-las.

A viagem, definitivamente, não foi fácil e ainda não é, mas não me deixa querer desistir de todas as coisas que tenho agora. Faz querer dedicar todo meu tempo para torná-las melhores e fazê-las crescer.

Isso me faz querer fazer coisas que nunca iria querer, se sempre tivesse recebido tudo o que pedi.

Porque naquela época eu era jovem, imprudente e imatura. Eu, provavelmente,  pensaria que há algo melhor lá fora, porque no passado costumava pensar que “a grama é sempre mais verde do outro lado”, agora eu acredito totalmente em “a grama é mais verde onde você rega.”


No passado, eu não teria desistido do meu trabalho porque tudo o que eu queria era casar e ficar em casa, ser esposa e mãe, mas agora minha carreira é a única coisa na qual eu realmente quero investir. Minha carreira é aquilo que me dá esperança, significado e propósito.

No passado, eu não teria perambulado pelo mundo porque não gostava de desafios, gostava de coisas familiares, gostava da minha zona de conforto, gostava de permanecer a mesma, mas agora eu mudei e cresci de muitas maneiras, e estou trabalhando para me tornar alguém que eu nunca pensei que seria. Eu não pensei que eu fosse capaz de mudar isso, eu não achava que era capaz de trabalhar comigo mesma, não pensei que realmente poderia mudar a minha vida, sem uma varinha mágica milagrosa, e isso é o resultado da vida não se desenrolar como planejei.

Então, quando eu olho para trás na minha jornada, sinto-me abençoada pela vida nunca ter seguido o meu caminho, é uma bênção ela não ter seguido minhas regras ou a minha direção, porque eu estava totalmente perdida. E ainda estou. Acho que sempre estarei.

Eu me encontro mais à medida que o tempo passa, mas ainda existem partes de mim que estão espalhadas em diferentes cidades, diferentes oceanos, sonhos diferentes, vidas diferentes que eu quero viver e ainda não consigo identificar a qual eu realmente pertenço.


E acho que esse é o lado bom de a vida não seguir seu caminho, você não precisa se preocupar muito com sua história e como ela vai acabar, porque a vida é como Deus planejou e escreveu para você, de qualquer maneira, e isso sempre será mil vezes melhor do que qualquer plano que você possa ter traçado para si mesmo.

______

Traduzido pela equipe de O Segredo  Fonte: Thought Catalog

Baixe o aplicativo do site O Segredo e acompanhe tudo de pertinho. Android ou IOS.

Texto escrito com exclusividade para o site O Segredo. É proibida a divulgação deste material em páginas comerciais, seja em forma de texto, vídeo ou imagem, mesmo com os devidos créditos.




Deixe seu comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.