Ter fé é confiar que algo muito maior existe!

É fundamental dizer que fé não está ligada propriamente à religião. Em sua essência, a fé é um sentimento, que pode ou não estar conectado a uma crendice. Ter fé é confiar que algo muito maior existe, mesmo que não possa ser tocado ou visto. Ela é sentida, sem a necessidade de algo concreto.

Segundo a Bíblia, um livro milenar (escrito, sim, por pessoas, mas, conforme a história, eles a escreveram inspirados por Deus, um ser superior e sábio que os orientava), a fé é a expectativa exata de algo esperado, a demonstração evidente de realidades, embora não observadas. Um livro escrito em metáforas que, misteriosamente, são atuais em qualquer tempo ou situação que o mundo esteja vivendo.

Quando não há mais nada que possamos fazer em determinada situação dizemos para ter fé e confiar, que basicamente, seria a mesma coisa. Não se baseia em boatos, mas tem base sólida.

Exercitar a fé requer disciplina, pois quando tudo vai bem, a deixamos no limbo e voltamos a nos agarrar desesperadamente a ela em momentos de crise.

Pensando bem, deveríamos tratá-la com mais dignidade, criar um relacionamento de intimidade, para que a constância da sua presença atenuasse os furacões internos frente às adversidades.

 A fé também está ligada à gratidão, à confiança, à lealdade e segurança. Talvez por isso diz-se que ela move montanhas. Não em seu sentido literal, mas sim pela força de sua capacidade de realização. Se eu creio, eu posso, eu faço. Seja para o bem ou para o mal.

O ser humano não foi criado para ser sozinho, por isso temos amigos, formamos famílias e vivemos em sociedade, mesmo que, às vezes, sintamos a necessidade de nos isolar. É um momento de voltar para si, para se reinventar. Por este motivo precisamos acreditar em algo muito maior do que nós, como um refúgio.

Sem a fé adoecemos, perdemos a capacidade de acreditar, consequentemente, a esperança de superar, resultando na insatisfação pessoal.

Aquele que tem fé faz a sua parte e espera, pois acredita que há algo superior às suas vontades, seja Deus, o universo ou a energia do cosmos. Alguns até acreditam no poder extraterrestre.

Mas é esta segurança de que não estamos sozinhos no mundo que nos impulsiona e tranquiliza. Quem tem fé não se angustia com facilidade. Ter fé é como entregar nas mãos de alguém uma tarefa e ficar tranquilo de que aquilo será feito e entregue a nós da melhor maneira.

Então, por que temos tanto medo do futuro? Será que estamos realmente pondo em prática a nossa fé? Deliberadamente entregamos e confiamos?

O mundo anda acelerado. Nas empresas, todos os dias, há líderes delegando tarefas, importantíssimas, a pessoas que mal sabem o que fazer com elas. O retorno destes resultados, compromete todo um projeto. Então, por que não entregamos nossos projetos internos e tão importantes a um ser superior que nos prometeu a felicidade eterna? Qual seria nossa perda? Por que não confiamos absolutamente, como um bebê confia em sua mãe, sabendo que ela quer o seu melhor?

Quem possui a verdadeira fé tem evidência sólida daquilo em que crê. Esta evidência precisa ser suficientemente forte para convencer não somente aquele que tem fé, mas também os outros.

Por que precisamos ter fé?

Seguramente, quando alguém ora e ao mesmo tempo sente dúvidas em seu íntimo, não pode esperar receber aquilo que deseja. Suas dúvidas o impedem de ter plena confiança, de se abandonar na paz, de que o mais perfeito se realizará. Nosso egoísmo e egocentrismo atropelam a segurança da renúncia das nossas vontades.

É essencial exercitar a humildade incorporada à fé, sem esta união não há a entrega total e pura. Não basta crer na existência de Deus, tampouco basta servir ao criador, apenas por um senso de dever. O mero senso de dever não é suficientemente forte para nos manter fiéis quando provados.

Apenas a entrega total, por amor, é capaz de nos proporcionar a plenitude, com a fé e segurança de que nosso projeto está em boas mãos. Mesmo que para isso, haja a necessidade de mover o mundo.


Direitos autorais da imagem de capa licenciada para o site O Segredo: janifest / 123RF Imagens



Deixe seu comentário