Notícias

Treinadora alemã é expulsa de Tóquio 2020 após ser flagrada dando soco em cavalo no pentatlo

Kim Raisner, treinadora alemã do pentatlo moderno, foi expulsa das Olimpíadas de Tóquio após ser flagrada dando um soco no cavalo de Anikka Schleu, amazona da Alemanha que disputava a prova.



No pentatlo moderno, na prova de hipismo, os atletas têm vinte minutos para se acostumar com um cavalo nunca usado por eles.

A alemã teve muita dificuldade para controlar Saint Boy, e o tratamento ao cavalo levantou questionamentos na internet.

Na imagem abaixo, é possível ver a atleta alemã chorando por não conseguir fazer o percurso com Saint Boy, que ficou estressado com o tratamento recebido. Depois de não completar a apresentação no hipismo, Schleu, que terminou em quarto na Rio 2016, acabou a competição na 31ª posição.


Direitos autorais: Dan Mullan/Getty Images.

A União Internacional do Pentatlo Moderno condenou a ação da alemã e anunciou a punição. A UIPM deu um cartão preto para a treinadora alemã Kim Raisner, desclassificando ela do restante de Tóquio 2020. As imagens mostram Raisner acertando o cavalo montado por Anikka Schleu com um soco – informou a organização.


Tarcísio Meira e Glória Menezes são internados em SP com covid-19

Artigo Anterior

Italo Ferreira rebate comentário xenofóbico e leva internautas à loucura: “Nordeste tem água? Não, não. Só ouro”

Próximo artigo

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.