ColunistasReflexão

Tutorial de como ser adulto

Tutorial de como ser adulto

Você já parou para refletir sobre como ser adulto?  Não digo no sentido literal de chegar a esse marco aos 21 anos, mas digo no sentido mais louco de se saber algo, que é vivendo. 



Quando você está ali prestes a encarar o mundo ansioso para colocar suas asas para fora e voar, consegue se lembrar desse instante?

Quando você achou que nada iria abalar a crença que você possuía, do mundo ser um mundo melhor e cor-de-rosa como nos contam nos contos de fadas. Quando você não fazia ideia do esforço que é trabalhar, estudar, lavar roupa, lavar louça, fazer comida, ler um livro, cuidar dos pets e ainda ter que pagar no fim do mês por tudo isso.

É! Pode ser desesperador ter que matar 2 leões por dia, um fora e um dentro de você e ainda fingir costume.  A maioridade não limpa nossos medos, nossos traumas, nossos anseios. Ela não ajuda a lidar com a liberdade e não confundir com libertinagem. Não ensina como ser responsável e como ter pique para todos os dias salvar seu mundo.


A maioridade não chega quando você está preparado, pronto para se tornar adulto. Ela chega com um furacão que transborda cada canto de seu corpo e de sua mente, elevando-o de nível, subindo de patamar e quase que o forçando a gostar.

Com ela não tem receita de bolo, disse que me disse, dê-me mais 5 minutos. Quando chegar sua vez, chegou.

Tudo que você falar será usado contra você, tudo que você pensar será guardado e estará preparado para retornar quando menos esperar.


Todos os seus medos continuarão lá, só que agora em vez de bicho papão ele chama falta de reconhecimento profissional.

Você vai cansar, errar (muito!), vai querer desistir e se entregar, vai querer mudar. Entenderá o nosso ex-amigo Peter Pan de uma vez por todas. Vai querer sumir do mapa, desaparecer, fazer pirilim pim pim, mas vai por mim, quando a tempestade passar, quando suas terras e oceanos forem para os devidos lugares você agradecerá por ter tanto tempo pela frente para desbravar seus continentes e quantos sonhos ainda poderão se realizar.

Quanto orgulho você poderá se dar, quantas pessoas vai inspirar, quantas delas serão gratas por ter conhecido um adulto como você?! Quantas missões e tarefas poderão ser tiradas da sua lista e quantos infinitos lugares estão à sua espera?


Viaje pela sua nova trajetória e se eu puder te dar um conselho (mesmo sendo de graça, espero que aceite) vá sem culpa e principalmente perdoe todos que viveram com você na infância, perdoe os que partiram seu coração e, acima de tudo, perdoe-se.

Quando você zerar a linha do perdão do 1º Ciclo da sua vida, estará pronto para começar essa loucura e dizer: Hoje sou adulto. Que comecem os desafios!    



Direitos autorais da imagem de capa: wallhere.com / 35584


Policial faz barba de um morador de rua para ajudá-lo a conseguir um emprego

Artigo Anterior

E hoje eu sou assim… De mim

Próximo artigo

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.