5min. de leitura

Um amor melhor! Que venha no tempo certo e seja alguém para fazer valer a pena!

Hoje quero falar de um assunto que incomoda muita gente: a falta de um amor melhor.

Num mundo de aplicativos para achar novos pares, facilidade de terminar relacionamentos e por pontos finais em casamentos, namoros e relações, de modo geral, vejo que uma parte das pessoas ou se acomoda em relações mornas ou vive na busca constante de um novo par.


O amor é o sentimento mais nobre, belo e importante que podemos ter dentro de nós. Nada mais gostoso do que estar enamorado, apaixonado, feliz com um parceiro. Mas sabemos bem que, na maioria das vezes, nada dura para sempre.

Às vezes, as pessoas se acomodam em relações pelo medo de ficarem sozinhas ou porque não querem fazer parte de um exército de pessoas solteiras ou separadas e julgam melhor viver relações cheias de altos e baixos, pois é um preço mais em conta do que a solidão.

Mas vamos combinar, né? Para que viver de migalhas de um bolo se você pode e merece o bolo inteiro e uma festa maravilhosa, com drinks e opções gastronômicas incríveis e uma boa música para dançar a sua felicidade em grande estilo?


Sabemos que é muito mais gostoso estar acompanhado do que viver só. Desde que realmente assim seja. Muitas relações são tão vazias e pobres, que, no fundo, temos 02 solitários dentro de um casal. Então se é para se sentir só, abra mão do não funciona mais e permita-se o luto, o choro, a raiva, a frustração e reconstrua-se para, mais tarde, se permitir viver um amor melhor.

Reavalie-se de forma geral: se você conhecesse hoje uma pessoa com as suas características, você se namoraria? Você se acha uma pessoa interessante? Atraente não fisicamente, mas de essência? Julga o seu jeito de ser e administrar a vida como algo satisfatório?


O que acontece é muito dedo apontando o erro do outro, o comportamento inadequado do parceiro, a falta de tolerância, a falta de atitude, mas poucos se avaliam de fato.

E, às vezes, quando o fazem, carregam uma culpa mais pesada do que podem suportar e esse sentimento vira um bloqueio emocional, uma baixa autoestima que faz com que o indivíduo não se permita viver uma nova história.

Ficar sozinho é bom! Oportunidade para um balanço geral. Analisar prós e contras. Avaliação do positivo e negativo. Mudar o visual, amar-se mais, curtir mais a companhia dos amigos e da família, viajar e, sobretudo, aproveitar o momento, dure o tempo que durar, livre! Você tem que ser uma boa companhia para si mesmo em primeiro lugar.

Se pensar direitinho ao invés de se lamentar pela falta que talvez ainda sinta do outro, pelo costume diário, aproveite a liberdade de poder decidir por coisas que realmente te dão prazer, sem se preocupar com aprovações.

Recomece quantas vezes forem necessárias e entenda que assim sempre será a vida em todos os aspectos. Só entenda que para se permitir um amor melhor, uma nova história, há de também incentivar-se a mudar, a melhorar-se e renovar-se.

Então, respire fundo e vá para a vida! O novo o espera, você pode mais, permita-se, aja e tenha gratidão pelo amor melhor desde já!

E que venha quando se estiver preparado, venha no tempo certo, seja alguém para fazer valer a pena e enquanto isso, aprecie a paisagem e viva com felicidade cada instante, pois sempre há algo de bom em tudo.


Direitos autorais da imagem de capa licenciada para o site O Segredo: shevtsovy / 123RF Imagens





Deixe seu comentário

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.