Animais

Um guerreiro! Cãozinho abandonado dentro de uma mala resistiu aos maus-tratos e foi resgatado

3 capa Um guerreiro Caozinho abandonado dentro de uma mala resistiu aos maus tratos e foi resgatado

No acostamento de uma estrada entre Trani e Barletta, na Itália, um homem encontrou um animal “pele e osso”, ao lado de uma mala rasgada.



O abandono animal é uma das coisas mais tristes que existem! Os animais, principalmente quando domesticados, criam laços com seus cuidadores, precisando de carinho, cuidado e atenção. Cães, por exemplo, precisam de alimento durante o dia, água fresca, um local limpo para dormir e amor, enfim, coisas básicas.

Dispensar as necessidades de um animal é ser negligente, é colocar em risco a saúde dele. Por isso é necessário ter muita certeza da responsabilidade de cuidar de uma vida, porque é assunto sério. Cachorros não são descartáveis! Caso você perceba que não gosta de um animal que adotou, não pode simplesmente se desfazer dele, é uma forma de tortura.

Sabemos que, em muitos casos, existem fatores maiores, que nos impossibilitam manter um animal em casa, mas o abandono não é uma opção. Existem locais apropriados, onde eles podem ser acolhidos, como abrigos, ONGs, e familiares que gostam de bichinhos. Mas é responsabilidade do cuidador se certificar de que o cão está indo para um local decente, e isso só pode ser feito se todas as opções forem esgotadas.


Quando lemos a notícia de que uma criança foi abandonada, sentimos indignação! Com os animais, deveríamos sentir a mesma coisa, são vidas também.

Em Trani, na Itália, a ONG Lega Del Cane Trani encontrou um triste caso, que envolvia um abandono animal. Um homem estava dirigindo entre Trani e Barletta, quando percebeu algo suspeito na estrada.

3 2 Um guerreiro Caozinho abandonado dentro de uma mala resistiu aos maus tratos e foi resgatado

Direitos autorais: reprodução Facebook/Lega Del Cane Trani.

Uma mala vermelha, quebrada e rasgada, foi encontrada e, ao lado dela, um cãozinho completamente vulnerável e desnutrido clamava por sua vida. A forma como a mala estava dava claros indícios de que o pobre animal havia sido abandonado ali, dentro dela.


Quando a ONG publicou a informação do resgate em suas redes sociais, os usuários ficaram incrédulos, muitos perguntaram até onde chega a maldade humana. Como é possível uma pessoa tratar um cachorro dessa forma? É um animal indefeso, que existe apenas para distribuir amor, fazer companhia e ser amado.

3 3 Um guerreiro Caozinho abandonado dentro de uma mala resistiu aos maus tratos e foi resgatado

Direitos autorais: reprodução Facebook/Lega Del Cane Trani.

Ele havia sido jogado naquele local com o objetivo de perecer até a morte, em uma ação completamente monstruosa e criminosa. Ninguém ao certo compreende, mas o fato é que o cãozinho, mesmo extremamente debilitado, usou o que restou de suas forças para sair daquela mala.

Quando o homem que o encontrou chamou a ONG, a equipe logo percebeu que a situação era séria. Ele tinha inúmeros problemas, principalmente no estômago, dada a quantidade de tempo que passou sem receber alimento adequado. Também tinha anemia gravíssima, insuficiência hepática, necrose em alguns tecidos, dentre outros problemas absurdos, como de pele.


Algumas pessoas acreditavam que o caminho daquele cãozinho, infelizmente, seria a morte, mas os veterinários e a equipe de resgate não pensaram nessa opção nem sequer uma vez.

Com o passar dos dias, Kei, como as pessoas o batizaram, foi retomando suas forças, mas ainda não confiava nos humanos que o rodeavam.

3 4 Um guerreiro Caozinho abandonado dentro de uma mala resistiu aos maus tratos e foi resgatado

Direitos autorais: reprodução Facebook/Lega Del Cane Trani.

Aos poucos, ele foi se permitindo confiar cada vez mais e compreendendo que era o esforço daquelas pessoas que o fez ficar vivo. Todos ali sabem que quem se responsabilizar em adotar Kei, terá de ajudá-lo a curar suas cicatrizes físicas e emocionais, que não são poucas! O tratamento que o pequeno recebeu lhe permitiu continuar vivo, mesmo após tanta injustiça e barbárie. Felizmente, ele está se recuperando e mostra sinais de que logo poderá ter uma vida livre e recheada de amor.


O que achou desse caso?

Comente abaixo e compartilhe-o nas suas redes sociais!

Jovem adotada fala sobre o amor que recebeu dos pais: “Deus colocou pessoas piedosas no meu caminho”

Artigo Anterior

“Sou uma mãe preguiçosa”: ela deixa filhos passarem 12h jogando e diz que não precisam de regras!

Próximo artigo

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site.